O Museu da Educação e do Brinquedo (MEB)

desafios e potencialidades de um museu universitário na FEUSP

Autores

DOI:

https://doi.org/10.20888/ridpher.v7i00.15970

Palavras-chave:

Museus, Educação, Universidade

Resumo

Criado em 1999 pela professora Tizuko Kishimoto, o Museu da Educação e do Brinquedo (MEB) apresenta grande importância na história da Faculdade de Educação (FEUSP), constituindo-se em um espaço de alta relevância para infância, brinquedos e brincadeiras. Neste artigo apresentaremos um balanço da atuação da nova coordenação do museu desde 2014, demarcando a ampliação de seu escopo ao reafirmar-se como um museu da educação em parceria com outros laboratórios e setores da FEUSP e abarcar a Educação em Museus como um novo foco. Abordaremos os principais desafios e potencialidades de um museu universitário na definição de sua identidade e na gestão das ações em ensino, pesquisa e extensão, desenvolvidas em projetos sobre a história, a constituição do acervo, as ações educativas e a comunicação no MEB.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Ermelinda Moutinho Pataca, Universidade de São Paulo, Faculdade de Educação, Brasil

Professora Associada da Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo (USP). Possui graduação em Licenciatura em Química pela UNICAMP (1996), mestrado (2001) e doutorado (2006) na área de Educação Aplicada às Geociências pela UNICAMP (2001), livre-docência na Faculdade de Educação da USP (2016). Fez doutorado sanduíche na Universidade Nova de Lisboa (2004), investigando a história das viagens científicas luso-brasileiras (1755-1808), tema abordado desde o mestrado à livre-docência. Atua na Licenciatura em Geociências e Educação Ambiental na disciplina de metodologia do ensino e no curso de pedagogia na disciplina de História das Ciências. Foi presidente da Comissão de Pós Graduação (CPG) da Faculdade de Educação da USP e coordenadora do programa de pós-graduação em Educação entre 2018 e 2020. Desde 2005 vem atuando em projetos de formação continuada de professores, numa articulação entre ensino, pesquisa e extensão. Tem ampla atuação em museus, curadoria de exposições e projetos de divulgação científica. Atualmente é coordenadora do Museu da Educação e do Brinquedo (MEB-FEUSP), onde tem se concentrado em pesquisas históricas sobre o acervo de brinquedos e materiais educativos. Desde 2017 atua como conselheira da Sociedade Brasileira de História da Ciência (SBHC) e é editora da seção "História da Ciência e Educação" da Revista Brasileira de História da Ciência.

Martha Marandino, Universidade de São Paulo, Faculdade de Educação, Brasil

Professora Associada da Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo. Bolsista de Produtividade do CNPq Nível 1D. Licenciatura e Bacharelado em Ciências Biológicas pela Universidade Santa Úrsula (1987), Mestrado em Educação pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (1994), Doutorado em Educação pela Universidade de São Paulo (2001), quando obteve Bolsa Sanduíche pela CAPES no Museu de Ciências da Universidade de Lisboa, Portugal, no período de setembro de 2000 a janeiro de 2001. Livre Docência pela Universidade de São Paulo (2012) e coordenadora do Grupo de Estudo de Pesquisa em Educação Não Formal e Divulgação da Ciência/GEENF. Na área de museus, trabalhou de 1998 a 2002 na Coordenação de Educação do Museu de Astronomia e Ciências Afins/MAST/MCTCI realizando atividades de pesquisa e educação. É membro do International Council of Museum/ICOM e do Comitê de Museus de Ciência e Tecnologia/CIMUSET e do Comitê de Educação e Ação Cultrtal/CECA. Foi presidente, vice-presidente (de 2002 a 2006) e tesoureira (de 2009 a 2011) da Associação Brasileira de Ensino de Biologia/SbenBio e vice-presidente da Associação Brasileira de Pesquisa em Educação em Ciência (2005 a 2011). Atua no ensino, pesquisa e extensão nas áreas de Ensino de Ciências e Educação em Museus. É docente do Programa de Pós-graduação da Faculdade de Educação da USP e no Programa Interunidades em Ensino de Ciências da USP. Colabora no Curso de Especialização em Divulgação da Ciência, da Tecnologia e da Saúde da Fiocruz. Possui projetos de pesquisa, publicações e orientações de iniciação científica, mestrado e doutorado com temas como ensino de ciências, ensino de biologia, divulgação científica e educação em museus. Atualmente é Diretora do Centro de Preservação Cultural da USP/CPC/USP e vice-coordenadora do Museu da Educação e do Brinquedo da FEUSP.

Referências

ABREU, A. A. A Tipologia dos Acervos da Universidade de São Paulo e seus Problemas. In: Anais II Semana de Museus da Universidade de São Paulo, Pró-Reitoria de Cultura e Extensão Universitária, São Paulo, p. 11-14, 1999.

ALVES, Karina O. Pesquisa, organização, identificação e catalogação dos brinquedos e materiais didáticos do Museu da Educação e do Brinquedo (MEB). Relatório Final do Projeto PUB. São Paulo: FEUSP, 2019.

BENJAMIN, Walter. A obra de arte na era da reprodutibilidade técnica. São Paulo: L&PM, 2014.

BEZERRA, Vinícius. A utilização do acervo do Museu da Educação e do Brinquedo (MEB) como instrumento do ensino de ciências na formação inicial de professores. Relatório Final de Iniciação Científica. São Paulo: Faculdade de Educação, 2016. Disponível em: http://meb.fe.usp.br/docs/relatorio_vinicius.pdf. Acesso em: 24 nov. 2021.

BOYLAN, Patrick J. (Org.). Como gerir um museu. Manual Prático. S. l., ICOM, 2004. Disponível em: https://www.sisemsp.org.br/blog/wp-content/uploads/2012/09/Manual-Como-gerir-um-museu-ICOM-Unesco.pdf. Acesso em: 24 nov. 2021.

BRASIL. Conselho Nacional de Arquivos. NOBRADE: Norma Brasileira de Descrição Arquivística. Rio de Janeiro: Arquivo Nacional, 2006. Disponível em: http://www.siga.arquivonacional.gov.br/images/publicacoes/nobrade.pdf. Acesso em: 24 nov. 2021.

BRANDÃO, Carlos R. F. e COSTA, C. Uma crônica da integração dos museus estatutários à USP. In: Anais do Museu Paulista. 2007, v. 15, n. 1. p. 207-217. Disponível em: https://www.revistas.usp.br/anaismp/article/view/5458/6988. Acesso em: 24 nov. 2021.

BURKE, Peter. O que é história cultural? 2. ed. Rio de Janeiro: Zahar, 2008.

CEZAR, Luciana. N.; SIQUEIRA, Luanna. S. PATACA, Ermelinda. M. Brinquedos e Recursos Didáticos: uma experiência de estágio supervisionado em Geociências e Educação Ambiental no Museu da Educação e do Brinquedo (MEB). In: VIII Simpósio Nacional de Ensino e História das Ciências da Terra. Anais do EnsinoGEO. Campinas-SP: Universidade Estadual de Campinas, 2018. v. 1. p. 193-196.

COSTA, Evanise P. Princípios Básicos de Museologia. Curitiba: Coordenação do Sistema Estadual de Museus, 2006. Disponível em: https://www.comunicacao.pr.gov.br/sites/default/arquivos_restritos/files/documento/2019-09/p_museologia.pdf. Acesso em: 24 nov. 2021.

FERREZ, Helena D. Thesaurus para acervos museológicos. Rio de Janeiro: Fundação Nacional Pró Memória. Coordenadoria Geral de Acervos Museológicos, 1987. 2v.

FREIRE, Paulo. Pedagogia da autonomia. Saberes necessários à prática educativa. São Paulo: Paz e terra, 1996.

KISHIMOTO, Tizuko M. (org.). Jogo, brinquedo, brincadeira e educação. 14. ed. São Paulo; Cortez, 2011.

KISHIMOTO, Tizuko. M. Práticas pedagógicas da professora Alice Meirelles Reis (1923-1935). São Paulo: Polo Books, 2014.

LOPES, Maria M. Trajetórias museológicas, biografias de objetos, percursos metodológicos. In: ALMEIDA, Marta; VERGARA, Moema de R. (org.). Ciência, História e Historiografia. Rio de Janeiro: Via Lettera, 2008. p. 205-318.

MARANDINO, Martha (Org.). Educação em museus: a mediação em foco. São Paulo, SP: Geenf. FEUSP 2008. Disponível em: http://www.geenf.fe.usp.br/v2/wp-content/uploads/2012/10/MediacaoemFoco.pdf. Acesso em: 24 nov. 2021.

MARANDINO, Martha. Museology. An International Journal of Museology, Lisboa, Portugal, v. 1, n. 2, p. 53-66, 2001.

MARANDINO, M.; PATACA, E. M. (orgs). Seminário educação e museus: síntese dos grupos de trabalho. São Paulo: FEUSP, 2018. 32p. Disponível em: http://meb.fe.usp.br/seminario/documentos/seminario.pdf. Acesso em: 24 nov. 2021.

MILAN, Bárbara.; TARGINO, Arcenira. R. L.; MARANDINO, Martha.; PATACA, Ermelinda. M. 'Brincar ou Ensinar?': uma experiência de formação inicial dos professores em ciências na criação de uma exposição no Museu da Educação e do Brinquedo. In: Anais do III Encontro Regional de Ensino de Biologia - EREBIO - Regional 1, 2017, p. 58-63.

MENESES, Ulpiano T. B. de. A cultura material nas sociedades antigas. Revista de História, n. 115, p.103-117. 1983. Disponível em: https://www.revistas.usp.br/revhistoria/article/view/61796/64659. Acesso em: 24 nov. 2021.

MENESES, Ulpiano T. B. de. Do teatro da memória ao laboratório da História: a expansão museológica e o conhecimento histórico. In: Anais do Museu Paulista. v. 2 p. 9-42, jan./dez. 1994. Disponível em: https://www.scielo.br/j/anaismp/a/cjxGJjRFfbKxLBfGyFFMwVC/?format=pdf&lang=pt. Acesso em: 24 nov. 2021.

PADILHA, Renata C. Documentação Museológica e Gestão de Acervo. Florianópolis, FCC Edições, 2014. Disponível em: file:///C:/Users/particular/Downloads/Col_Estudos_Mus_%20v2_documenta%C3%A7%C3%A3o%20museol%C3%B3gica%20e%20gest%C3%A3o%20de%20acervos%20(1).pdf. Acesso em: 24 nov. 2021.

RIBEIRO, Berta. Dicionário do artesanato indígena. Belo Horizonte: Itatiaia; São Paulo: EDUSP, 1988.

SANTANA, Audrea S. de. As atividades do Museu da Educação e do Brinquedo. Organização do acervo e ação educativa. Relatório Final do Projeto PUB. São Paulo: FEUSP, 2017. Disponível em: http://meb.fe.usp.br/docs/relatorio_audrea.pdf. Acesso em: 24 nov. 2021.

SILVA, Daniela Batista da. A História da constituição do Museu da Educação e do Brinquedo (MEB-USP) e o lúdico como instrumento de ensino nas atividades mediadas. Relatório Final de Iniciação Científica. São Paulo: FEUSP, 2015. Disponível em: http://meb.fe.usp.br/docs/relatorio_daniela.pdf. Acesso em: 24 nov. 2021.

SIQUEIRA, Luanna Shimada. Pesquisa, organização, identificação e catalogação dos brinquedos e materiais didáticos do Museu da Educação e do Brinquedo (MEB). Relatório Final do Projeto PUB – modalidade cultura e extensão. São Paulo: FEUSP, 2018.

WARHUST, Alan (1986). Triple Crisis in University Museums. Museums Journal, 86 (3): 137-140.

Downloads

Publicado

2021-12-03

Como Citar

PATACA, E. M. .; MARANDINO, M. O Museu da Educação e do Brinquedo (MEB): desafios e potencialidades de um museu universitário na FEUSP. RIDPHE_R Revista Iberoamericana do Patrimônio Histórico-Educativo, Campinas, SP, v. 7, n. 00, p. e021011, 2021. DOI: 10.20888/ridpher.v7i00.15970. Disponível em: https://econtents.bc.unicamp.br/inpec/index.php/ridphe/article/view/15970. Acesso em: 6 out. 2022.

Edição

Seção

DOCUMENTO/DOSSIÊ