Taxonomia e matriz de decisão das tecnologias digitais na educação

proposta de apoio à incorporação da tecnologia em sala de aula

Autores

DOI:

https://doi.org/10.20396/tsc.v2i1.14451

Palavras-chave:

Taxonomia, Matriz de decisão, Tecnologias digitais

Resumo

Este artigo propõe uma Taxonomia e uma Matriz de Decisão das Tecnologias Digitais na Educação (TDE), cujo objetivo é colaborar com os professores na escolha e incorporação da tecnologia digital em sala de aula. A análise se caracterizou por utilizar uma metodologia teórica descritiva fundamentada nos estudos de Manning y Johnson e na teoria Hype-cycle de Gartner. O resultado considera quatro categorias centrais: Autoria; Busca, Armazenamento e Socialização; Imersividade Virtual; e Tecnologia Assistiva. Todas estas contem ferramentas específicas que se subdividem em razão de suas características. A matriz de decisão permite aos professores conhecer e avaliar ferramentas individuais e determinar quais dessas atendem às necessidades de ensino, previamente planejadas.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Herik Zednik Rodrigues, Secretaria da Educação Básica do Estado do Ceará

Doutorado em Informática na Educação pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Professora da Secretaria da Educação Básica do Estado do Ceará.

Liane Margarida Rockenbach Tarouco, Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Doutorado em Engenharia Eétrica/Sistemas Digitais pela Universidade de São Paulo. Professora titular do departamento de estudos especializados da faculdade de educação da Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

 

Luis Roque Klering, Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Doutorado em Administração pela Universidade de São Paulo. Professor da Escola de Administração da Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

Ana García-Valcárcel, Universidade de Salamanca

Professora universitário  em Didática, Organização e Métodos de Pesquisa pela Universidade de Salamanca.

Eder Paulus Moraes Guerra, Universidade Estadual Vale do Acaraú

Mestre em Computação Aplicada - linha Informática Educativa pela Universidade Estadual do Ceará. Professor do Curso de Engenharia Civil da Universidade Estadual Vale do Acaraú. 

 

Referências

FENN, J. The Microsoft System Software Hype Cycle Strikes Again. Gartner Group, 1995.

ILATRO, A. Design instrucional contextualizado: educação e tecnologia. São Paulo: SENAC, 2004 ___________. Design instrucional na prática. São Paulo: Pearson Education do Brasil. 2008.

FREIRE, P. Pedagogia do oprimido. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1981.

GABRIEL, M. Educar: a (r)evolução digital na educação. São Paulo: Saraiva, 2013.

GARCÍA-VALCÁRCEL, A.; MARTÍN, A. H. Las Tecnologías de la información y la comunicación en el contexto educativo actual. In. GARCÍA-VALCÁRCEL, A.; MARTÍN, A. H. Recursos Tecnológicos para la enseñanza e innovación educative. Madrid: Sintesis, 2013.

GARCÍA-VALCÁRCEL, A. et al Las implicaciones educativas de las redes sociales. In. Aguaded, J. I.; Cabero, J. Tecnologías y medios para la educación en la e-sociedad. Madrid: Alianza, 2013.

MANNING, S.; JOHNSON, K. E. The technology toolbelt for teaching. São Francisco/EUA: Jossey-Bass, 2011. MARTINEZ, M.J.; LAHONE, C.O. Planejamento escolar. São Paulo: Saraiva 1997.

NAGEL, D. Most college students to take classes online by 2014. Campus Technology, 2009. Disponível em: http://campustechnology.com/Articles/2009/10/28/Most-College-Students-To-Take-Classes-Online-by-2014.aspx>. Acessado em: 10/03/2014

SANTAELLA, L. Cultura das Mídias Revisitada. In: SANTAELLA, L. Linguagens líquidas na era da mobilidade. São Paulo: Paulus, 2007.

SCHMIDT, E.; COHEN, J. A nova era digital: como será o futuro das pessoas, das nações e dos negócios, Rio de Janeiro: Intríseca, 2013.

THE TECHNIUM. The Amount of Information in the World. 2011. Disponível em: http://kk.org/thetechnium/2011/03/the-amount-of-i/?. Acesso em: 10/03/2014

ZEDNIK, H.; TAROUCO, L. M. R.; ÁVILA, B.; AMARAL É. VEGA - Implementando um Laboratório Virtual Imersivo no OpenSim. Porto Alegre: Revista Renote – Novas Tecnologias na Educação, v. 10, n. 1, julho, 2012.

ZEDNIK, H.; TAROUCO, L. M. R.; KLERING, L. R. e-Maturity (e-M): construção e elaboração do questionário de autoavaliação da Gestão Tecnopedagógica. Porto Alegre: Revista Renote – Novas Tecnologias na Educação, V. 11 Nº 1, julho, 2013.

ZEDNIK, H., TAROUCO, L. M. R., KLERING, L. R., GUERRA, E. P. M., GARCIA-VALCARCEL, A. Tecnologias Digitais na Educação: proposta taxonômica para apoio à integração da tecnologia em sala de aula. In: III Congresso Brasileiro de Informática na Educação - CBIE 2014 -Tecnologias Digitais e Educação: Integração, Mediação e Construção do Conhecimento, 2014, Dourados - MS, 2014a. p.1 – 10.

ZEDNIK, H.; TAROUCO, L. M. R.; KLERING, L. R. Incorporação das TIC à prática pedagógica: indicadores para o desenvolvimento da e-Maturity. In: Formação a distância para gestores da Educação Básica: olhares sobre uma experiência no Rio Grande do Sul. Porto Alegre: Escola de Gestores/ Ministério da Educação, 2014b.

Downloads

Publicado

25-11-2014

Como Citar

RODRIGUES, H. Z.; TAROUCO, L. M. R.; KLERING, L. R.; GARCÍA-VALCÁRCEL, A.; GUERRA, E. P. M. Taxonomia e matriz de decisão das tecnologias digitais na educação: proposta de apoio à incorporação da tecnologia em sala de aula. Tecnologias, Sociedade e Conhecimento, Campinas, SP, v. 2, n. 1, p. 85–104, 2014. DOI: 10.20396/tsc.v2i1.14451. Disponível em: https://econtents.bc.unicamp.br/inpec/index.php/tsc/article/view/14451. Acesso em: 30 jun. 2022.

Edição

Seção

Artigos