Banner Portal
Formação e conhecimentos de docentes universitários para a integração de tecnologias digitais no ensino remoto
PDF

Palavras-chave

Ensino remoto
formação docente
tecnologias digitais
TIC
docência universitária

Como Citar

WILL, Daniela Erani Monteiro; ESPÍNDOLA, Marina Bazzo de; CERNY, Roseli Zen; ERDMANN, Alacoque Lorenzini; SCHMIDT, Catiele Raquel; SANTOS, José Luís Guedes dos; LORENZINI, Elisiane. Formação e conhecimentos de docentes universitários para a integração de tecnologias digitais no ensino remoto. Tecnologias, Sociedade e Conhecimento, Campinas, SP, v. 10, n. 2, p. 196–216, 2023. DOI: 10.20396/tsc.v10i2.18329. Disponível em: https://econtents.bc.unicamp.br/inpec/index.php/tsc/article/view/18329. Acesso em: 22 jul. 2024.

Resumo

O artigo apresenta uma reflexão acerca das ações formativas de docentes universitários no contexto de ensino remoto, a partir da necessidade de integrar as tecnologias digitais ao currículo do ensino superior. Para isso, realizamos um estudo de cunho exploratório em uma universidade pública brasileira, por meio de um questionário que obteve respostas de 334 professores. Analisamos como eles consideram seus conhecimentos para a atuação com tecnologias digitais e de que forma buscaram novas aprendizagens docentes diante da situação de ensino remoto. Os resultados apontam que os professores realizaram as formações oferecidas pela universidade, ao mesmo tempo em que buscaram conhecimentos por conta própria, em fontes diversificadas. Como formação autônoma, destacam-se as trocas entre os pares, bem como com os estudantes.

https://doi.org/10.20396/tsc.v10i2.18329
PDF

Referências

ALMAZOVA, N. et al. Challenges and Opportunities for Russian Higher Education amid COVID-19: Teachers’ Perspective. Education Sciences v. 10, n. 12, p. 368, 2020. Disponível em: https://doi.org/10.3390/EDUCSCI10120368. Acesso em: 4 abr. 2022.

ANASTASIOU, L. G. C.; ALVES, L. P. Processos de ensinagem na universidade: pressupostos para as estratégias de trabalho em aula. 10. ed. Joinville: Univille, 2015.

BARRETO, R. G. A recontextualização das tecnologias da informação e da comunicação na formação e no trabalho docente. Educação e Sociedade, [S. l.], v. 33, n. 121, p. 985–1002, 2012. Disponível em: https://doi.org/10.1590/S0101-73302012000400004. Acesso em: 16 mar. 2022.

BAZZO, V. L. Dilemas da profissionalidade docente na educação superior: entre o cientista e o mestre. Orientadora: Mérion Campos Bordas. 2007. 269f. Tese (Doutorado em Educação) – Faculdade de Educação, Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2007. Disponível em: https://lume.ufrgs.br/bitstream/handle/10183/10862/000601490.pdf. Acesso em 5 mar. 23.

BELLONI, M. L. Mídia-Educação: contextos, histórias e interrogações. In: FANTIN, M.;

RIVOLTELLA, P. C. (Orgs.). Cultura digital e escola: pesquisa e formação de professores. Campinas, SP: Papirus, 2012.

CUNHA, M. I. da. A docência como ação complexa. In: CUNHA, M. Isabel da (Org.). Trajetórias e lugares de formação da docência universitária: da perspectiva individual ao espaço institucional. Araraquara, SP: Junqueira & Marin; Brasília: CAPES/CNPq, 2010.

CUNHA, M. I. da. O tema da formação de professores: trajetórias e tendências do campo na pesquisa e na ação. Educ. Pesqui., São Paulo, v. 39, n. 3, p. 609-626, 2013. Disponível em: https://www.scielo.br/j/ep/a/xR9JgbzxJggqLZSzBtXNQRg/abstract/?lang=pt. Acesso em: 5 mar. 23.

CUNHA, M. I. da; BOLZAN, D. P. V.; ISAIA, S. M. de A. Professor da Educação Superior. In: MOROSINI, M. (Org.). Enciclopédia Brasileira da Educação Superior. Porto Alegre, RS: EDIPUCRS, 2021. 2 v. E-book.

DIAS-TRINDADE, S.; MOREIRA, J. A.; NUNES, C. S. Escala de autoavaliação de competências digitais de professores. Procedimentos de construção e validação. Texto Livre, [S. l.], v. 12, n. 2, p. 152–171, 2019. Disponível em: https://doi.org/10.17851/1983-3652.12.2.152-171. Acesso em: 22 fev. 2022.

DINIZ-PEREIRA, J. E. Da racionalidade técnica à racionalidade crítica: formação docente e transformação social. Perspectivas em diálogo: Revista de Educação e Sociedade, Naviraí, v.01, n.01, p. 34-42, jan-jun., 2014. Disponível em: https://periodicos.ufms.br/index.php/persdia/article/view/15. Acesso em: 5 set. 2022.

DINIZ-PEREIRA, J. E. A construção social do individualismo na profissão docente: como transcender as fronteiras tradicionais da identidade dos professores? Revista de Educação PUC-Campinas, [S. l.], v. 20, n. 2, p. 127-142, 2015. Disponível em: https://doi.org/10.24220/2318-0870V20N2A2993. Acesso em: 5 mar. 23.

ESPÍNDOLA, M. B. de. Integração das tecnologias de informação e comunicação no ensino superior: Análise das Experiências das Áreas de Ciências e da Saúde com o Uso da Ferramenta Constructure. Orientadores: Andrea T. Da Poian; Taís Rabetti Giannella. 2010. 269f. Tese (Doutorado em Química Biológica) - Instituto de Bioquímica Médica, Universidade Federal do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 2010. Disponível em: http://objdig.ufrj.br/50/teses/d/CCS_D_MarinaBazzoDeEspindola.pdf. Acesso em 5 mar. 23.

ESPÍNDOLA, M. B. de; GIANNELLA, T. R. Integração de Tecnologias Digitais de Informação e Comunicação no Ensino de Ciências: Contribuições do Modelo do Conhecimento Pedagógico-Tecnológico do Conteúdo. Educere et Educare, [S. l.], v. 14, n. 32, 2019. Disponível em: https://e-revista.unioeste.br/index.php/educereeteducare/article/view/18287. Acesso em: 9 jun. 2022.

ESPÍNDOLA, M. B. de; STRUCHINER, M.; GIANNELLA, T. R. Integração de Tecnologias de Informação e Comunicação no Ensino: Contribuições dos Modelos de Difusão e Adoção de Inovações para o campo da Tecnologia Educacional. Revista Latinoamericana de Tecnología Educativa, v. 9, n. 1, p. 89-106, 2010. Disponível em: https://relatec.unex.es/article/view/612. Acesso em 26 abr. 2022.

ESTEVE, F.; CASTAÑEDA, L.; ADELL, J. Un Modelo Holístio de Competencia Docente para el Mundo Digital. Revista Interuniversitaria de Formación del Profesorado, [S. l.], v. 32, n. 1, p. 105–116, 2018. Disponível em: http://www.redalyc.org/articulo.oa?id=27454937017. Acesso em 25 fev. 2022.

FANTIN, M. Mídia-educacão: aspectos históricos e teórico-metodológicos. Olhar de professor, Ponta Grossa, v. 14, n. 1, p 27-40, 2011. Disponível em: https://www.revistas2.uepg.br/index.php/olhardeprofessor/article/view/3483. Acesso em 20 fev. 2022.

FEENBERG, A. Tecnologia, modernidade e democracia. Tradução de Eduardo Beira. Portugal: Inovatec, 2018.

FERREIRA, L. F. S.; SILVA, V. M. C. B.; MELO, K. E. da S.; PEIXOTO, A. C. B. Considerações sobre a formação docente para atuar online nos tempos da pandemia de COVID-19. Revista Docência do Ensino Superior, Belo Horizonte, v. 10, p. 1–20, 2020. DOI: 10.35699/2237-5864.2020.24761. Disponível em: https://periodicos.ufmg.br/index.php/rdes/article/view/24761. Acesso em: 2 mai. 2022.

GAUTHIER, C. et al. Por uma teoria da pedagogia: pesquisas contemporâneas sobre o saber docente. 3. ed. Ijuí: Unijuí, 2013.

GIROUX, H. A. Os professores como intelectuais: rumo a uma pedagogia crítica da aprendizagem. Porto Alegre: Artes Médicas, 1997.

GODOI, M. et al. O ensino remoto durante a pandemia de Covid-19: desafios, aprendizagens e expectativas dos professores universitários de Educação Física. Research, Society and Development, v. 9, n. 10, 2020. Disponível em: http://dx.doi.org/10.33448/rsd-v9i10.8734. Acesso em: 22 mar. 2022.

GONZÁLEZ-FERNÁNDEZ, M. O. Competencias digitales del docente de bachillerato ante la enseñanza remota de emergencia. Apertura, [S. l.], v. 13, n. 1, p. 6–19, 2021. Disponível em: https://doi.org/10.32870/Ap.v13n1.1991. Acesso em: 21 mar. 2022.

GUTIÉRREZ MARÍN, A.; TORREGO GONZÁLEZ, A. Educación Mediática y su Didáctica. Una Propuesta para la Formación del Profesorado en TIC y Medios. Revista Interuniversitaria de Formación del Profesorado, [S. l.], v. 32, n. 1, p. 15–27, 2018. Disponível em: https://www.redalyc.org/jatsRepo/274/27454937002/27454937002.pdf. Acesso em: 20 mar. 2022.

IMBERNÓN, F. Formação docente e profissional: formar-se para a mudança e a incerteza. 9. ed. São Paulo: Cortez, 2011.

KHOELER, M. J.; MISHRA, P. Introducing TPCK. In: Handbook of Technological Pedagogical Content Knowledge (TPCK) for Educators. New York: Routledge, 2008.

LEMOS, S.; PEDRO, N. Competências digitais dos docentes do ensino superior. In: CONGRESSO INTERNACIONAL TIC E EDUCAÇÃO, 2., 2012, Lisboa. Proceedings... Lisboa: Instituto de Educação da Universidade de Lisboa, 2012. p. 2839-2844. Disponível em: https://repositorio.ul.pt/handle/10451/26440. Acesso em: 20 mar. 2022.

MARCELO, C. Desenvolvimento profissional docente: passado e futuro. Sísifo - Revista de Ciências da Educação. n. 8, 2009, p. 7-22. Disponível em: http://sisifo.ie.ulisboa.pt/index.php/sisifo/article/view/130. Acesso em: 24 fev. 2022.

MARCELO, C.; MARCELO-MARTÍNEZ, P. Influencers educativos en Twitter. Análisis de hashtags y estructura relacional. Comunicar, Sevilla, v. 29, n. 68, 2021, p. 73-83. Disponível em: https://doi.org/10.3916/c68-2021-06. Acesso em: 24 abr. 2022.

MEIRINHOS, M.; OSÓRIO, A. Referenciais de competências digitais para a formação de professores. In: CHALLENGES - XI CONFERÊNCIA INTERNACIONAL DE TIC NA EDUCAÇÃO, 11., 2019, Braga. Proceedings... Braga: Universidade do Minho, 2019. p. 1001-1016. Disponível em: http://hdl.handle.net/10198/19414. Acesso em: 25 fev. 2022.

MONZÓN, N. S. Formación docente universitaria y crisis sanitaria COVID-19. CienciAmérica, [S. l.], v. 9, n. 2, p. 109, 2022. Disponível em: https://doi.org/10.33210/CA.V9I2.299. Acesso em: 22 mar. 2022.

NÓVOA, A. (Org.) Vidas de professores. Porto: Porto Editora, 2013.

NÚÑEZ, P. Cultura digital e educação na pandemia (palestra). In: COLÓQUIO DE PESQUISAS EM EDUCAÇÃO E MÍDIAS – CPEM, 7.; 2021, Rio de Janeiro. Disponível em: https://www.youtube.com/watch?v=f0ItxPp1oZ8. Acesso em: 22 mar. 2022.

RODA, F.; MORGADO, L. Mapeamento da literatura sobre Competências Digitais do Professor: tendências em progresso. RE@D - Revista de Educação a Distância e Elearning, v. 2, n. 1, p. 46–61, 2019. Disponível em: https://revistas.rcaap.pt/lead_read/article/view/22056/16232. Acesso em: 20 mai. 2022.

SAAVEDRA, L. E. P.; CERVERA, M. G.; RODRÍGUEZ, M. U. Competencia digital docente, actitud y uso de tecnologías digitales por parte de profesores universitarios. Pixel-Bit. Revista de Medios y Educación, [S. l.], v. 63, n. 63, p. 93–130, 2022. Disponível em: https://doi.org/10.12795/PIXELBIT.91652. Acesso em: 29 mar. 2022.

SAMPAIO, P. A. da S. R.; COUTINHO, C. P. Ensinar com Tecnologia, Pedagogia e Conteúdo. Revista Paidei@: Revista Científica de Educação a Distância, v. 5, n. 8, [s. p.], 2013. Disponível em: https://periodicos.unimesvirtual.com.br/index.php/paideia/article/viewFile/304/314. Acesso em Acesso em: 20 abr. 2022.

SANTOS, A. dos; TEIXEIRA, A. C. Por um estado do conhecimento da formação de professores para o uso de tecnologias na educação. Educação Por Escrito, [S. l.], v. 11, n. 2, p. e35371–e35371, 2020. Disponível em: https://revistaseletronicas.pucrs.br/ojs/index.php/porescrito/article/view/35371. Acesso em: 17 fev. 2022.

SELWYN, N. Um panorama dos estudos críticos em educação e tecnologias digitais. In: ROCHA, C. H.; KADRI, M. S. E.; WINDLE, J. A. (Orgs.). Diálogos sobre tecnologia educacional: Educação linguística, mobilidade e práticas translíngues. [S. l.]: Pontes, 2017. p. 15–40. E-book.

SELWYN, N. et al. ¿Por qué no todo es (ni debe ser) digital? Interrogantes para pensar sobre digitalización, datificación e inteligencia artificial en educación. In: RIVERA-VARGAS, P.; MIÑO-PUIGCERCÓS, R. (Orgs.). Educar con sentido transformador en la universidad. [S. l.]: Octaedro, IDP/ICE, 2021. E-book. Disponível em: https://doi.org/10.31235/OSF.IO/VX4ZR. Acesso em: 17 abr. 2022.

SHULMAN, L. S. Conhecimento e ensino: fundamentos para a nova reforma. Cadernos Cenpec | Nova série, [S. l.], v. 4, n. 2, 2015. Disponível em: https://doi.org/10.18676/cadernoscenpec.v4i2.293. Acesso em: 3 mar. 2022.

SHULMAN, L. S. Aquellos que entienden: desarrollo del conocimiento en la enseñanza. Profesorado, [S. l.], v. 23, n. 3, p. 269–295, 2019. Disponível em: https://doi.org/10.30827/profesorado.v23i3.11230. Acesso em: 3 mar. 2022.

TARDIF, M. Saberes docentes e formação profissional. 17. ed. Petrópolis: Vozes, 2014.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA - UFSC. Pró-reitoria de extensão. Edital nº 2/2020/PROEX. Edital da escola de extensão para criação de núcleos de produção de conteúdos digitais. Disponível em: https://proex.ufsc.br/files/2020/06/Edital-2-2020-PROEX-N%C3%BAcleos-assinado.pdf. Acesso em 9 jul. 2022.

WESCHENFELDER, V. I.; THUM, A. B.; ALMEIDA, C. M. M. Docência no ambiente virtual durante a Covid-19: análise de um percurso de formação de professores do ensino superior. Revista Práxis, v. 12, n. 1 (Sup.), p. 125-136, dezembro, 2020. Disponível em: https://revistas.unifoa.edu.br/praxis/article/view/3513. Acesso em 30 mai. 2022.

Creative Commons License
Este trabalho está licenciado sob uma licença Creative Commons Attribution 4.0 International License.

Copyright (c) 2024 Tecnologias, Sociedade e Conhecimento

Downloads

Não há dados estatísticos.