Sobre a Revista

Foco e escopo

A RBEST publica artigos inéditos e originais – escritos em português, inglês, espanhol ou francês – em duas subáreas do conhecimento: Economia Social e Economia do Trabalho.

  • A Economia Social abrange estudos econômicos sobre uma variedade de temas, tais como as desigualdades sociais, a pobreza, a estrutura social, as políticas sociais, os sistemas de proteção social, a economia solidária e o desenvolvimento humano.
  • Por sua vez, a Economia do Trabalho reúne estudos econômicos sobre uma ampla gama de temas, entre os quais a estrutura ocupacional, o desemprego, os rendimentos do trabalho, as relações de trabalho, as políticas de emprego, o movimento sindical, a legislação trabalhista e a negociação coletiva.

O foco é a publicação de artigos que apresentem resultados de pesquisa acadêmica ou que contribuam para o entendimento de um debate teórico, assim como resenhas críticas de livros publicados numa dessas duas subáreas. São contemplados, prioritariamente, artigos que estimulem o debate acadêmico e a reflexão crítica em âmbito nacional e internacional, com base em pesquisas inéditas, motivando o intercâmbio de ideias e contribuindo para a difusão de conhecimentos produzidos a partir de investigações acadêmicas de cunho teórico ou empírico.

Política editorial

Direitos autorais e licença de uso

A publicação de um artigo ou resenha em RBEST implica, por parte do(a) autor(a) ou autores, automaticamente, a cessão integral e exclusiva dos direitos autorais da primeira edição para a revista, sem quaisquer honorários.

Após a publicação, os autores têm autorização para assumir contratos adicionais, independentes da revista, para a divulgação do artigo ou resenha por outros meios (ex.: repositório institucional ou capítulo de livro), desde que citada a fonte completa, com as referências dos dados da publicação original.

Qualquer imagem que, eventualmente, seja inserida no artigo deve ser de domínio público ou possuir a autorização para a publicação.

As ideias e opiniões expressas no artigo ou resenha são de responsabilidade exclusiva dos autores, não refletindo, necessariamente, as opiniões da RBEST.

Princípios éticos

A RBEST atua sempre com respeito à cultura acadêmica e à produção intelectual, mantendo um canal de diálogo com autores, pareceristas e leitores para verificar a necessidade de correções, revisões, esclarecimentos ou retratações.

A RBEST resguarda seu processo editorial de interesses comerciais ou financeiros.

Para evitar que a publicação de artigo resultante de pesquisa institucional possa gerar dúvidas quanto a conflito de interesses, o(s) autor(es) deve(m) declarar quaisquer ligações a órgãos de financiamento, bem como a instituições comerciais ou políticas. Do mesmo modo, deve(m) mencionar a instituição à qual esteja(m) vinculado(s) ou que eventualmente tenha colaborado na execução do estudo, evidenciando não haver conflito de interesses no que se refere ao resultado apresentado no artigo.

Ações antiplagiarismo

Os autores devem se responsabilizar pela originalidade e ineditismo do artigo, no todo ou em parte, e garantir a explicitação de todas as fontes e referências que contribuíram para a redação do texto. O atendimento a essas exigências e condições será atentamente verificado com as ferramentas disponíveis pela RBEST.

Diretrizes para a atuação da equipe editorial

A decisão pela publicação ou não de um artigo ou resenha se faz com base em princípios de ética na pesquisa e na divulgação de informações, respeitando-se a legislação vigente e as boas condutas na cultura acadêmica.

Fatores referentes a posicionamento político ou ideológico, à diversidade étnica, de gênero ou religiosa, bem como às diferenças de perspectivas teóricas e metodológicas, não devem influenciar nas ações e decisões realizadas durante o processo editorial.

Os editores não conduzirão processo editorial de artigo em relação ao qual se estabeleça conflito de interesses.

As identidades de autores e pareceristas se manterão sob sigilo durante o processo editorial e após sua finalização.

Os editores devem zelar pela transparência do processo editorial e responder a questionamentos que se interponham por autores ou pareceristas sobre a avaliação dos textos submetidos à RBEST.

Diretrizes para autores

Entende-se como autor todo aquele que tenha sua identidade vinculada à autoria do texto submetido à RBEST e que tenha efetivamente participado da pesquisa realizada ou da redação do texto. Recomenda-se não ultrapassar o número total de quatro autores. O Comitê Editorial reserva-se o direito de questionar as participações e de recusar a submissão se assim julgar pertinente.

Diretrizes para pareceristas

O processo de avaliação de artigo ou resenha deverá se realizar em sigilo, impedindo-se a apropriação ou divulgação, em qualquer esfera, das informações nele contidas.

O(a) parecerista deverá se recusar a realizar a avaliação de texto em que se configure a existência de conflito de interesses.

A identificação de ausência de ineditismo ou de sobreposição do texto, no todo ou em parte, em relação a texto já publicado deverá ser informada prontamente ao Comitê Editorial da RBEST.

Processo de avaliação

Os artigos encaminhados passam por um processo seletivo em três etapas: 1) avaliação de pertinência pelo Comitê Executivo da revista (desk review); 2) os artigos aprovados nessa primeira etapa serão submetidos à avaliação cega com um mínimo de dois pareceres (double blind review), os quais poderão: a) recomendar a publicação, b) recomendar a publicação desde que sejam feitas revisões, c) recusar a publicação; 3) cabe ao Comitê Editorial a decisão final com base nos pareceres e nas condições editoriais.

Não são aceitas resenhas submetidas por pessoas que sejam da mesma instituição do(a) autor(a) da obra resenhada ou que tenham vínculo de orientação com este(a).

Catalogação na Publicação elaborada por: Gildenir Carolino Santos - CRB-8ª/5447