Causas da repetência escolar

contribuições de Pórcia Guimarães Alves ao pensamento educacional brasileiro

Autores

DOI:

https://doi.org/10.20396/tematicas.v30i59.16088

Palavras-chave:

Reprovação escolar, Aprovação automática, INEP, Anísio Teixeira

Resumo

A tese da educadora Pórcia Guimarães Alves é objeto deste artigo, no qual se busca compreender a confecção da pesquisa, seus vínculos com o INEP, bem como suas correlações com a agenda educacional à época. A tese debruçou-se sobre a reprovação escolar no ensino primário curitibano, tomando-a enquanto uma consequência de fatores administrativos, metodológicos, psicológicos, sociais e biológicos. Sua abordagem ao problema foi inovadora e expressou os vínculos da educadora com Anísio Teixeira, além de seu posicionamento relativamente à discussão sobre a aprovação automática dos estudantes. Ao longo do trabalho, Alves rejeitou a explicação corrente sobre a reprovação dever-se às capacidades intelectuais discente e construiu um argumento que, ao sublinhar as condições precarizadas do sistema escolar municipal, enfocou a repetência como efeito de uma justaposição de causas. Ao final da tese, Alves elaborou um experimento de ensino no Centro Educacional Guaíra, no qual examinou a quebra da seriação escolar e seu impacto na aprovação discente, situando a última enquanto condição para a implementação da aprovação automática.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Patrícia dos Santos Dotti do Prado, Universidade Federal do Paraná

Mestre pelo Programa de Pós-Graduação em Sociologia da Universidade Federal do Paraná.

Referências

ALVES, Pórcia Guimarães. Contribuição ao Estudo da Repetência Escolar. Curitiba: tese de concurso à cátedra de Psicologia Educacional na Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras da Universidade Federal do Paraná, 1961.

ALVES, Pórcia Guimarães. Entrevista com a Professora Pórcia Guimarães Alves. Educar, Curitiba, n. 7 (½), p. 123-148, jan/dez 1988. Disponível em: scielo.br/j/er/a/4p5d6fQQmtJ3CPfCNZ5QD6J/?lang=pt. Acesso em: 26 dez. 2021.

ALVES, Pórcia Guimarães. Memória da Fundação da Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras do Paraná. Educar, Curitiba, n. 7 (½), p. 59-77, jan/dez 1988a. Disponível em: revistas.ufpr.br/educar/article/view/36177. Acesso em: 26 fev. 2021.

BASSINELLO, Ieda. VALENTE, Wagner Rodrigues. A Aplicação de Testes Pedagógicos e Psicológicos no Período da Escola Nova: uma Aproximação com a Matematização da Pedagogia. Trilhas Pedagógicas, v. 6, n. 6, 2016. Disponível em: repositorio.ufsc.br/xmlui/bitstream/handle/123456789/166367/4.pdf?sequence=1&isAllowed=y. Acesso em: 18 jan. 2022.

BENCOSTTA, Levy Albino. O Instituto Nacional de Estudos Pedagógicos (INEP) e o Centro de Estudos e Pesquisas Educacionais (CEPE): a Experiência de um Laboratório no Ensino Primário no Paraná (1952-1964). In: ARAÚJO, Marta Maria de; BRZEZINSKI, Iria. (Orgs). Anísio Teixeira na Direção do INEP. Brasília: INEP, 2006. Disponível em: download.inep.gov.br/publicacoes/diversas/historia_da_educacao/anisio_teixeira_na_direcao_do_inep_programa_para_a_reconstrucao_da_nacao_brasileira_1952-1964.pdf. Acesso em: 27 dez. 2021.

BERTAGNA, Regiane Helena. Avaliação e Progressão Continuada: o que a Realidade Desvela. Pro-Posições, v. 21, n. 3(63), set/dez 2010. Disponível em: scielo.br/j/pp/a/QgVxFkGyffMsnhJM8G6jDfw/?lang=pt. Acesso em: 02 jan. 2022.

COLEÇÃO Pórcia Guimarães Alves. Arquivo do Instituto Histórico e Geográfico do Paraná, Curitiba.

CORDEIRO, Célia Maria Ferreira. Anísio Teixeira, uma “Visão” do Futuro. Estudos Avançados. v. 15, n. 42, 2001. Disponível em: scielo.br/j/ea/a/Wz59VXK9ZdgH9GLSDmzTNVn/?lang=pt. Acesso em: 29 dez. 2021.

FERREIRA, Márcia Santos. Os Centros de Pesquisas Educacionais do INEP e os Estudos em Ciências Sociais sobre a Educação no Brasil. Revista Brasileira de Educação, v. 13, n. 38, maio/ago. 2008. Disponível em: scielo.br/j/rbedu/a/g77Z7xprfnWSK9JLgk8hDXp/?lang=pt. Acesso em: 12 jan. 2022.

GUERIOS, Paulo. Antropologia, Ciência, Engajamento. José Loureiro Fernandes e os Sentidos da Atividade Intelectual. RBCS, v. 36, n. 107, 2021. Disponível em: scielo.br/j/rbcsoc/a/RfLBLNDGZLNVq6hCt4dBkWH/abstract/?lang=pt. Acesso em: 04 jan. 2022.

GUERIOS, Paulo Renato. Trajetórias Intelectuais Marcadas entre a Ciência e a Religião: José Loureiro Fernandes e a Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras do Paraná. Campos, v. 18, (1- 2), p. 117-138, 2017. Disponível em: revistas.ufpr.br/campos/article/view/59623/pdf. Acesso em: 22 dez. 2021.

MONTALVÃO, Sérgio. A LDB de 1961: Apontamentos para uma História Política da Educação. Revista Mosaico, v. 2. n. 3, 2010. Disponível em: bibliotecadigital.fgv.br/ojs/index.php/mosaico/article/view/62786. Acesso em: 17 jan. 2022.

MOSSORUNGA, Bento. Centro Educacional Guaíra: um Laboratório de Reconstrução Educacional do INEP no Paraná. In ARAÚJO, Marta Maria de; BRZEZINSKI, Iria (Orgs). Anísio Teixeira na Direção do INEP. Brasília: INEP, 2006. Disponível em: download.inep.gov.br/publicacoes/diversas/historia_da_educacao/anisio_teixeira_na_direcao_do_inep_programa_para_a_reconstrucao_da_nacao_brasileira_1952-1964.pdf. Acesso em: 27 dez. 2021.

NUNES, Clarice. Anísio Teixeira Entre Nós: A Defesa da Educação como Direito de Todos. Educação & Sociedade, ano XXI. n. 73, 2000. Disponível em: scielo.br/j/es/a/tkVFzhPRWLjXZQ89XcqdCBD/abstract/?lang=pt. Acesso em: 05 jan. 2022.

OLIVEIRA, Amurabi. Educação e Pensamento Social Brasileiro: Alguns Apontamentos a Partir de Florestan Fernandes e Gilberto Freyre. Revista de Ciências Sociais, Fortaleza, v. 45, n. 1, 2014, p. 15-44. Disponível em: periodicos.ufc.br/revcienso/article/view/2417. Acesso em: 22 dez. 2021.

ORTIGÃO, Maria Isabel Ramalho. AGUIAR, Glauco Silva. Repetência Escolar nos Anos Iniciais do Ensino Fundamental: Evidências a Partir dos Dados da Prova Brasil 2009. Revista Brasileira de Estudos de Pedagogia, Brasília, v. 94, n. 237, p. 364-389, maio/ago 2013. Disponível em: scielo.br/j/rbeped/a/cTXmQ3xhTcwJPDwJPPRHzsb/abstract/?lang=pt. Acesso em: 07 jan. 2022.

PRADO, Patricia dos Santos Dotti do. Para Entender Sociologia: os Manuais Escolares de Maria Olga Mattar. Em Tese, v. 16, n. 01, p. 95-114, jan./jun., 2019. Disponível em: periodicos.ufsc.br/index.php/emtese/article/view/1806-5023-2924.2019v16n1p95. Acesso em: 05 jan. 2022.

PRADO, Patricia dos Santos Dotti do. Intelectuais e Arquivos: Memórias Sobre a Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras do Paraná. Curitiba: Dissertação de Mestrado em Sociologia UFPR, 2020. Disponível em: acervodigital.ufpr.br/handle/1884/70167. Acesso em 27 dez. 2021.

RIBEIRO, Alexandra Ferreira Martins. Adentrando aos Arquivos: Formação e aspectos da Atuação Docente de Pórcia Guimarães Alves (1917-1962). Dissertação de Mestrado em Educação, Pontifícia Universidade Católica do Paraná, 2018. Disponível em: archivum.grupomarista.org.br/pergamumweb/vinculos//00006a/00006a29.pdf. Acesso em: 27 dez. 2021.

VIÉGAS, Lygia, SOUZA, Marilene. Promoção Automática nos Anos 1950: a Experiência Pioneira do Grupo Experimental da Lapa (São Paulo). Educação e Pesquisa, São Paulo, v. 38, n. 2, p. 499-514, abr./jun. 2012. Disponível em: scielo.br/j/ep/a/fpbZzB6VhvP396Xpkcbfd3S/abstract/?lang=pt. Acesso em: 21 jan. 2022.

WESTPHALEN, Cecília Maria. A Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras do Paraná, 50 anos. Curitiba: SBPH, 1988.

WESTPHALEN, Cecília Maria. Porto de Paranaguá: um Sedutor. Curitiba: Secretaria de Estado da Cultura, 1998.

XAVIER, Libânea. O Brasil Como Laboratório: Educação e Ciências Sociais no Projeto dos Centros Brasileiros de Pesquisas Educacionais - CBPE, INEP, MEC (1950-1960). São Paulo: EDUSF, 1999.

Downloads

Publicado

2022-06-10

Como Citar

PRADO, P. dos S. D. do . Causas da repetência escolar: contribuições de Pórcia Guimarães Alves ao pensamento educacional brasileiro . Tematicas, Campinas, SP, v. 30, n. 59, p. 114–143, 2022. DOI: 10.20396/tematicas.v30i59.16088. Disponível em: https://econtents.bc.unicamp.br/inpec/index.php/tematicas/article/view/16088. Acesso em: 5 dez. 2022.