A canção popular, a pesquisa folclórica e o legado preservacionista

Elsie Houston e o documentário sonoro

Autores

DOI:

https://doi.org/10.20396/muspop.v8i00.14880

Palavras-chave:

Canção popular, Elsie Houston, Folclore, Documentário Sonoro

Resumo

O artigo resgata uma importante referência na pesquisa de campo e na gravação de canções de origem popular. Na década de 1920, a carioca Elsie Houston sistematizou seu trabalho em busca da brasilidade musical a partir da herança indígena, africana e ibérica. Neste sentido, o objetivo do estudo é resgatar o espólio preservacionista deixado pela musicista e destacar a relevância de Elsie para os estudos sobre música, identidade e cultura.  Além da coleta de canções populares que estariam sob risco de desaparecimento, Elsie registrou em uma publicação científica 42 canções de diferentes regiões do Brasil, mostrando o timbre, a pronúncia e as intenções das músicas. Deste modo, a metodologia do artigo analisa as convergências do legado da pesquisadora a partir das teorias sobre documentário. Para tanto, o estudo recorre aos escritos de Penafria (2004), Nicholls (2012) e Ramos (2001 e 2013) para uma aproximação e ampliação dos conceitos sobre o registro criativo do encontro com o outro.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Urbano Lemos Jr, Universidade Anhembi Morumbi

Mestrado em Educação pela Universidade Nove de Julho. Doutorado em andamento em Comunicação Audiovisual na Universidade Anhembi Morumbi.

Vicente Gosciola, Universidade Anhembi Morumbi

Doutor em Comunicação pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, PUC-SP.  Professor Titular do Programa de Pós-Graduação em Comunicação da Universidade Anhembi Morumbi. 

Referências

AMARAL, João Paulo Pereira do. Da colonialidade do patrimônio ao patrimônio decolonial. 2015. Dissertação (Mestrado em Preservação do Patrimônio Cultural) – Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional, Rio de Janeiro, 2015.

BANDEIRA, Manuel. Flauta de papel. Rio de Janeiro: Alvorada, 1957.

BERTEVELLI, Isabel. Elsie Houston e Chants Populaires du Brésil: pesquisas sobre o folclore musical brasileiro e formação de repertório artístico, décadas de 1920 a 1940. Revista Brasileira de Música, Rio de Janeiro, v. 28, n. 2, p. 305-330, Jul/Dez. 2015.

BINAZZI, Biancamaria; EVANGELISTA, Ronaldo. Goma-Laca: Cantos populares do Brasil de Elsie Houston. São Paulo: B. Binazzi, 2019.

CARLINI, Álvaro. Cachimbo e maracá: o catimbó da Missão (1938). São Paulo: Centro Cultural São Paulo, 1993.

FRANCO, José Luiz de Andrade. Patrimônio Cultural e Natural, direitos humanos e direitos da natureza. In: SOARES, Inês Virgínia Prado; CUREAU, Sandra (orgs.). Bens Culturais e Direitos Humanos. São Paulo: Edições Sesc, p. 155-184, 2015.

IUSKOW, Cristina. Brasilidade e embelezamento: o canto orfeônico e a assepsia dos gestos corporais. 2001. Dissertação (Mestrado) – Centro de Filosofia e Ciências Humanas, Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, 2001.

MORAES, José Geraldo Vinci de. História e música: canção popular e conhecimento histórico. Revista Brasileira de História, São Paulo, v. 20, n. 39, p. 203-221, 2000.

NICHOLS, Bill. Introdução ao documentário. Papirus: Campinas, 2012.

NOGUEIRA, Antonio Gilberto Ramos. Inventário e patrimônio cultural no Brasil. História, São Paulo, v. 26, n. 2, p. 257-268, 2007.

PENAFRIA, Manuela. O filme documentário em debate: John Grierson e o movimento documentarista britânico. Comunicação apresentada no III SOPCOM, VI LUSOCOM, UBI, abril de 2004.

PINTO, Álvaro Vieira. Ciência e Existência: problemas filosóficos da pesquisa científica. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1969.

PINTO, Tiago de Oliveira. Som e música: questões de uma Antropologia Sonora. Revista de Antropologia, São Paulo, v. 44, n. 1, p. 221-286, 2001.

POLLAK, Michael. Memória e Identidade social. Estudos Históricos, Rio de Janeiro, vol. 5, n. 10, p. 200-215, 1992.

RAMOS, Fernão Pessoa. Mas afinal... o que é documentário? São Paulo: Senac, 2013.

RAMOS, Fernão Pessoa. O que é documentário? In: RAMOS, Fernão Pessoa; CATANI, Afrânio (orgs.). Estudos de Cinema SOCINE 2000. Porto Alegre: Sulina, 2001.

RANGEL, Jorge Antonio. Edgar Roquette-Pinto. Fundação Joaquim Nabuco, Editora Massangana, Recife, 2010.

RICOEUR, Paul. Memória, história, esquecimento. Palestra proferida na Conferência Internacional Haunting Memories? History in Europe after Authoritarianism; Budapeste, Hungria, 2003.

SOARES, Sérgio José Puccini. Documentário e roteiro de cinema: da pré-produção à pós-produção. 2007. Tese (Doutorado em Multimeios) – Instituto de Artes, UNICAMP, Campinas, 2007.

TONI. Flávia Camargo. A música brasileira e a cooperação intelectual no Congresso de Arte Popular em Praga 1928. Debates – Cadernos do Programa de Pós-Graduação em Música da UNIRIO, Rio de Janeiro, v.17, p. 172-196, 2016.

TRAVASSOS, Elizabeth. Os mandarins milagrosos: arte e etnografia em Mário de Andrade e Béla Bartók. Rio de Janeiro: Editora Jorge Zahar, 1997.

WAIZBORT, Leopoldo. Fonógrafo. Revista Novos Estudos Cebrap, São Paulo, v. 33, n. 2, p. 26-46, jul. 2014.

Downloads

Publicado

2021-05-31

Como Citar

LEMOS JR, U.; GOSCIOLA, V. A canção popular, a pesquisa folclórica e o legado preservacionista: Elsie Houston e o documentário sonoro. Música Popular em Revista, Campinas, SP, v. 8, n. 00, p. e021001, 2021. DOI: 10.20396/muspop.v8i00.14880. Disponível em: https://econtents.bc.unicamp.br/inpec/index.php/muspop/article/view/14880. Acesso em: 2 ago. 2021.