A canção popular, a pesquisa folclórica e o legado preservacionista

Elsie Houston e o documentário sonoro

Autores

DOI:

https://doi.org/10.20396/muspop.v8i00.14880

Palavras-chave:

Canção popular, Elsie Houston, Folclore, Documentário sonoro

Resumo

O artigo resgata uma importante referência na pesquisa de campo e na gravação de canções de origem popular. Na década de 1920, a carioca Elsie Houston sistematizou seu trabalho em busca da brasilidade musical a partir da herança indígena, africana e ibérica. Neste sentido, o objetivo do estudo é resgatar o espólio preservacionista deixado pela musicista e destacar a relevância de Elsie para os estudos sobre música, identidade e cultura.  Além da coleta de canções populares que estariam sob risco de desaparecimento, Elsie registrou em uma publicação científica 42 canções de diferentes regiões do Brasil, mostrando o timbre, a pronúncia e as intenções das músicas. Deste modo, a metodologia do artigo analisa as convergências do legado da pesquisadora a partir das teorias sobre documentário. Para tanto, o estudo recorre aos escritos de Penafria (2004), Nicholls (2012) e Ramos (2001 e 2013) para uma aproximação e ampliação dos conceitos sobre o registro criativo do encontro com o outro.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Urbano Lemos Junior, Universidade Anhembi Morumbi

Doutorado em andamento em Comunicação Audiovisual pela Universidade Anhembi Morumbi.

Vicente Gosciola, Universidade Anhembi Morumbi

Pós-doutoramento da Universidade do Algarve-CIAC, Portugal. Doutoramento em Comunicação
da PUC-SP. Mestrado em Ciências da Comunicação pela ECA-USP. Professor Catedrático da
Programa de Pós-Graduação em Comunicação na Universidade Anhembi Morumbi.

Referências

AMARAL, João Paulo Pereira do. Da colonialidade do patrimônio ao patrimônio decolonial. 2015. Dissertação (Mestrado em Preservação do Patrimônio Cultural) – Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional, Rio de Janeiro, 2015.

BANDEIRA, Manuel. Flauta de papel. Rio de Janeiro: Alvorada, 1957.

BERTEVELLI, Isabel. Elsie Houston e Chants Populaires du Brésil: pesquisas sobre o folclore musical brasileiro e formação de repertório artístico, décadas de 1920 a 1940. Revista Brasileira de Música, Rio de Janeiro, v. 28, n. 2, p. 305-330, Jul/Dez. 2015.

BINAZZI, Biancamaria; EVANGELISTA, Ronaldo. Goma-Laca: Cantos populares do Brasil de Elsie Houston. São Paulo: B. Binazzi, 2019.

CARLINI, Álvaro. Cachimbo e maracá: o catimbó da Missão (1938). São Paulo: Centro Cultural São Paulo, 1993.

FRANCO, José Luiz de Andrade. Patrimônio Cultural e Natural, direitos humanos e direitos da natureza. In: SOARES, Inês Virgínia Prado; CUREAU, Sandra (Orgs.). Bens Culturais e Direitos Humanos. São Paulo: Edições Sesc, p. 155-184, 2015.

IUSKOW, Cristina. Brasilidade e embelezamento: o canto orfeônico e a assepsia dos gestos corporais. 2001. Dissertação (Mestrado) – Centro de Filosofia e Ciências Humanas, Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, 2001.

MORAES, José Geraldo Vinci de. História e música: canção popular e conhecimento histórico. Revista Brasileira de História, São Paulo, v. 20, n. 39, p. 203-221, 2000.

NICHOLS, Bill. Introdução ao documentário. Papirus: Campinas, 2012.

NOGUEIRA, Antonio Gilberto Ramos. Inventário e patrimônio cultural no Brasil. História, São Paulo, v. 26, n. 2, p. 257-268, 2007.

PENAFRIA, Manuela. O filme documentário em debate: John Grierson e o movimento documentarista britânico. Comunicação apresentada no III SOPCOM, VI LUSOCOM, UBI, abril de 2004.

PINTO, Álvaro Vieira. Ciência e Existência: problemas filosóficos da pesquisa científica. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1969.

PINTO, Tiago de Oliveira. Som e música: questões de uma Antropologia Sonora. Revista de Antropologia, São Paulo, v. 44, n. 1, p. 221-286, 2001.

POLLAK, Michael. Memória e Identidade social. Estudos Históricos, Rio de Janeiro, vol. 5, n. 10, p. 200-215, 1992.

RAMOS, Fernão Pessoa. Mas afinal... o que é documentário? São Paulo: Senac, 2013.

RAMOS, Fernão Pessoa. O que é documentário? In: RAMOS, Fernão Pessoa; CATANI, Afrânio (Orgs.). Estudos de Cinema SOCINE 2000. Porto Alegre: Sulina, 2001.

RANGEL, Jorge Antonio. Edgar Roquette-Pinto. Fundação Joaquim Nabuco, Editora Massangana, Recife, 2010.

RICOEUR, Paul. Memória, história, esquecimento. Palestra proferida na Conferência Internacional Haunting Memories? History in Europe after Authoritarianism; Budapeste, Hungria, 2003.

SOARES, Sérgio José Puccini. Documentário e roteiro de cinema: da pré-produção à pós-produção. 2007. Tese (Doutorado em Multimeios) – Instituto de Artes, UNICAMP, Campinas, 2007.

TONI. Flávia Camargo. A música brasileira e a cooperação intelectual no Congresso de Arte Popular em Praga 1928. Debates – Cadernos do Programa de Pós-Graduação em Música da UNIRIO, Rio de Janeiro, v.17, p. 172-196, 2016.

TRAVASSOS, Elizabeth. Os mandarins milagrosos: arte e etnografia em Mário de Andrade e Béla Bartók. Rio de Janeiro: Editora Jorge Zahar, 1997.

WAIZBORT, Leopoldo. Fonógrafo. Revista Novos Estudos Cebrap, São Paulo, v. 33, n. 2, p. 26-46, jul. 2014.

Downloads

Publicado

2021-05-31

Como Citar

LEMOS JUNIOR, U.; GOSCIOLA, V. A canção popular, a pesquisa folclórica e o legado preservacionista: Elsie Houston e o documentário sonoro. Música Popular em Revista, Campinas, SP, v. 8, n. 00, p. e021001, 2021. DOI: 10.20396/muspop.v8i00.14880. Disponível em: https://econtents.bc.unicamp.br/inpec/index.php/muspop/article/view/14880. Acesso em: 2 out. 2022.

Edição

Seção

Artigos temáticos