Atividades experimentais com estudantes do ensino fundamental

um relato de experiência

Palavras-chave: Ensino Fundamental, Ensino de Química, Experimentação, Ciências

Resumo

Considerando que a disciplina Ciências nos anos finais do ensino fundamental (6º ao 9º ano) é composta por conceitos de diversas áreas das Ciências Naturais - dentre elas a Química - e que vários trabalhos apontam e criticam situações que exigem alto nível de abstração, inadequado para a faixa etária dos estudantes, este trabalho caracteriza-se como um relato de experiência a respeito de atividades experimentais desenvolvidas com estudantes do 8º ano do ensino fundamental de uma escola pública federal. Foram desenvolvidas diversas práticas no laboratório, procurando fomentar o debate a respeito dos resultados encontrados, bem como associações de diversas práticas com o cotidiano dos estudantes, além de problematizações envolvendo a natureza da atividade científica e estereótipos sobre o cientista, visando desenvolver, ainda, habilidades de manuseio de reagentes e vidrarias e também conceitos químicos, sendo estes últimos discutidos sem maior preocupação em atingir alto nível de abstrações.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Paulo Ricardo da Silva, Universidade Federal de Lavras
Licenciado em Química (UFJF). Mestre em Química - Educação Química (UFJF). Doutorando em Química - Educação Química (UFJF). Professor Assistente A, Departamento de Química, Universidade Federal de Lavras.

Referências

BASSOLI, Fernanda. Atividades práticas e o ensino-aprendizagem de ciência(s): mitos, tendências e distorções. Ciência & Educação, v. 20, n. 3, p. 579-593, 2014.

BRASIL. Ministério da Educação e do Desporto. Secretaria da Educação Fundamental. Parâmetros Curriculares Nacionais: Ciências Naturais. Brasília: MEC/SEF, 1998.

CHASSOT, Attico Inácio. Para que(m) é útil o nosso ensino de química. Espaços da escola, 5, p. 43-55, 1992.

FERREIRA, Luciana Nobre de Abreu; QUEIROZ, Salete Linhares. Textos de divulgação científica no ensino de ciências: uma revisão. Alexandria Revista de Educação em Ciência e Tecnologia, v. 5, n. 1, p. 3-31, 2012.

FRANCISCO JR, Wilmo Ernesto; FERREIRA, Luiz Henrique; HARTWIG, Dácio Rodney. Experimentação Problematizadora: fundamentos teóricos e práticos para a aplicação em salas de aula de Ciências. Química Nova na Escola, v.30, n.1, p. 34-41, 2008.

KOSMINSKY, Luis; GIORDAN, Marcelo. Visões de Ciências e sobre Cientista entre estudantes do ensino médio. Química Nova na Escola, n.15, p. 11-18, 2002.

LIMA, Maria Emília Caixeta de Castro; SILVA, Nilma Soares da. A Química no ensino fundamental: uma proposta em ação. In: ZANON, Lenir Basso; MALDANER, Otavio Aloisio (org.). Fundamentos e propostas de ensino de química para a educação básica. Ijuí: Unijuí, 2007.

LISBÔA, Júlio Cezar Foschini. QNEsc e a seção experimentação no ensino de química. Química Nova na Escola, v.37, n. 2, 198-202, 2015.

GIL-PÉREZ, Daniel; MONTORO, Isabel Fernández; ALIS, Jaime Carrascosa; CACHAPUZ, António; PRAIA, João. Para uma imagem não deformada do trabalho científico. Ciência e Educação, v. 7, n. 2, p. 125-153, 2001.

GONÇALVES, Fábio Peres; MARQUES, Carlos Alberto. Contribuições pedagógicas e epistemológicas em textos de experimentação no ensino de química. Investigações em Ensino de Ciências, v. 12, n. 2, p. 219-238, 2006.

MAGALHÃES JÚNIOR, Carlos Alberto de Oliveira; PIETROCOLA, Maurício. Análise de propostas para a formação de professores de Ciências do ensino fundamental. Alexandria Revista de Educação em Ciência e Tecnologia, v. 3, n. 2, p. 31-58, 2010.

MILARÉ, Tathiane; ALVES FILHO, José de Pinho. Ciências no nono ano do ensino fundamental: da disciplinaridade à alfabetização científica e tecnológica. Ensaio, v. 12, n. 2, p. 101-120, 2010.

MILARÉ, Tathiane; MARCONDES, Maria Eunice Ribeiro; REZENDE, Daisy de Brito. Discutindo a química do ensino fundamental através de um caderno escolar de ciências do nono ano. Química Nova na Escola, v 36, n.3, p. 231-240, 2014.

REIS, Rita de Cássia. Análise da atividade discursiva em uma sala de aula de ciências: a química dos ciclos biogeoquímicos no ensino fundamental. Dissertação de Mestrado - Universidade Federal de Juiz de Fora, 2012.

SCHNETZLER, Roseli Pacheco. A pesquisa no ensino de química e a importância da Química Nova na Escola. Química Nova na Escola, n. 20, p. 49-54, 2004.

SILVA, Kaio Vinicius da Costa; SANTANA, Edson Rodrigues; ARROIO, Agnaldo. Visões de Ciência e de cientistas através dos desenhos: um estudo de caso com alunos do 8º e 9º ano do ensino fundamental de escola pública. In.: Anais do XVI Encontro Nacional de Ensino de Química – BA, Salvador: 2012.

VASQUES, Andrea Raphaela Alves; MATOS, Marilyn Aparecida Errobidarte de. O perfil dos professores de Ciências da cidade de São Gabriel do Oeste no Mato Grosso do Sul. Ensino, Saúde e Ambiente, v. 5, n. 1, p. 32-42, 2012.

SÁ, Luciana Passos; QUEIROZ, Salete Linhares. Estudos de Caso no ensino de Química. Campinas: Átomo, 2009.

SOARES, Márlon Herbert Flora Barbosa. Jogos e atividades lúdicas no ensino de química: uma discussão teórica necessária para novos avanços. Debates em Ensino de Química, v. 2, n. 2, p. 5-13, 2016.

ZANON, Lenir Basso, PALHARINI, Elaine Mai. A química no ensino fundamental de ciências. Química Nova na Escola, n. 2, p. 15-18, 1995.

Publicado
2020-01-13
Como Citar
da Silva, P. R. (2020). Atividades experimentais com estudantes do ensino fundamental: um relato de experiência. Ciências Em Foco, 12(2), 15. Recuperado de https://econtents.bc.unicamp.br/inpec/index.php/cef/article/view/9681
Seção
Artigos