Militares e militarismos

perspectivas interdisciplinares sobre o universo militar

Autores

  • Olívia da Rocha Robba Universidade de São Paulo
  • Wagner Luiz Buenos dos Santos Universidade Federal do Rio de Janeiro

DOI:

https://doi.org/10.20396/tematicas.v28i56.14676

Palavras-chave:

História Militar, Militares, Brasil

Resumo

É com grande satisfação e alegria que apresentamos aos leitores da Revista Temáticas o dossiê "Militares e militarismos: perspectivas interdisciplinares sobre o universo militar." Composto por 11 artigos que analisam as Forças Armadas, suas atividades, pensamento e capilaridade em relação a sociedade, este dossiê é uma tentativa de lançar luz a temas e problemas que envolvem o universo militar. Com a intenção de contribuir para melhor entendimento sobre esse universo, os autores aqui reunidos trouxeram discussões que abordam e ampliam a visão sobre a caserna, seja com antigos temas sobre novos olhares seja com novos temas que passaram a chamar atenção de historiadores, antropólogos, cientistas sociais e pesquisadores que se interessam sobre questões que envolvem os militares.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Olívia da Rocha Robba, Universidade de São Paulo

Mestre pelo Programa de Pós-graduação em História da Ciência e das Técnicas e Epistemologias da Universidade Federal do Rio de Janeiro. Doutoranda no Programa de Pós-Graduação em História Social da Universidade de São Paulo.

Wagner Luiz Buenos dos Santos, Universidade Federal do Rio de Janeiro

Mestre pelo Programa de Pós-Graduação em História Social da Universidade Federal do Rio de Janeiro. Doutorando pelo Programa de Pós-Graduação em História Social da Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro. Pesquisador na Diretoria do Patrimônio Histórico e Documentação da Marinha.

Referências

ALMEIDA, Anderson da Silva. ...como se fosse um deles: Almirante Aragão: Memórias, silêncios e ressentimentos em tempos de ditadura e democracia. Rio de Janeiro: EDUFF, 2016.

ALVES, Cláudia. Cultura e Política no século XIX: o Exército como campo de constituição de sujeitos políticos no Impéri. Bragança Paulista: EDUSF, 2002.

CANCELLA, Karina. O Esporte e as Forças Armadas na Primeira República: das atividades gymnasticas às participações em eventos esportivos internacionais (1890-1922). Rio de Janeiro: Biblioteca do Exército, 2014.

DUARTE, Elaine Cristina Ferreira. Da Real Academia à Escola Militar: A profissionalização das armas e a consolidação do ensino militar no Brasil, 1810-1855. Dissertação (Mestrado pela Universidade Estadual do Rio de Janeiro). Rio de Janeiro, 2004.

GROSS, Patrícia da Silva Costa. Acervo histórico do Centro de Educação Física Almirante Adalberto Nunes: uma proposta para preservação e divulgação. Dissertação (Mestrado em Preservação e Gestão do Patrimônio Cultural das Ciências e da Saúde) – Casa de Oswaldo Cruz/Fiocruz, Rio de Janeiro.

HOBBSBAWM, Eric. Sobre História. São Paulo. Companhia das Letras. 1998.

LEMOS, Renato Luís do Couto Neto e. A Justiça Militar e a implantação da ordem republicana no Brasil. Topoi, v. 13, n. 24, p. 60-72, jan.-jun. 2012.

SANCHES, Marshal. A guerra: problemas e desafios do campo da história militar brasileira. Revista Brasileira de História Militar, 1(1):1-13, 2010.

SILVA, Carlos André Lopes da. A Real Companhia e Academia dos Guardas-Marinha: aspectos de uma instituição militar de ensino na alvorada da profissionalização do oficialato militar, 1808-1839 / Carlos André Lopes da Silva. – Rio de Janeiro: UFRJ/PPGHIS, 2012.

SOUZA, Adriana Barreto. O Exército na Consolidação do Império: um estudo histórico sobre a política militar conservadora. Rio de Janeiro: Aquivo Nacional, 1999.

SOUZA, Adriana Barreto. Conselho Supremo Militar e de Justiça e a interiorização de uma cultura jurídica de Antigo Regime no Rio de Janeiro (1808-1831). Antíteses, v. 7, n. 14, p. 301-323, jul.-dez. 2014.

Downloads

Publicado

2020-12-13

Como Citar

ROBBA, O. da R.; SANTOS, W. L. B. dos. Militares e militarismos: perspectivas interdisciplinares sobre o universo militar. Tematicas, Campinas, SP, v. 28, n. 56, p. 06–13, 2020. DOI: 10.20396/tematicas.v28i56.14676. Disponível em: https://econtents.bc.unicamp.br/inpec/index.php/tematicas/article/view/14676. Acesso em: 17 jan. 2022.