Banner Portal
Resolução RDC-Arq Conarq
PDF
ÁUDIO
VÍDEO

Palavras-chave

RDC-Arq
Preservação arquivística
Hipátia
Requisitos informacionais
Conarq

Como Citar

BRAGA, Tiago Emmanuel Nunes; HOLANDA, Alex Pereira; CANELHAS PIGNATARO, Tatiana. Resolução RDC-Arq Conarq: uma análise dos novos requisitos informacionais propostos. Revista Brasileira de Preservação Digital, Campinas, SP, v. 3, n. 00, p. e022004, 2022. DOI: 10.20396/rebpred.v3i00.16583. Disponível em: https://econtents.bc.unicamp.br/inpec/index.php/rebpred/article/view/16583. Acesso em: 18 abr. 2024.

Resumo

Introdução: Os repositórios arquivísticos digitais confiáveis buscam oferecer mecanismos para garantir a autenticidade dos objetos informacionais a partir de uma perspectiva arquivística. No Brasil a resolução 43/2015 do Conarq se encarregou de estruturar os requisitos para a implementação deste tipo de repositório e o Hipátia, modelo estruturado no âmbito do IBICT, buscou sistematizar sua implementação. Com a aproximação da publicação de uma atualização da resolução do Conarq, faz-se premente discutir quais serão os impactos no modelo atualmente proposto. Objetivo: Identificar os requisitos propostos pela nova resolução do Conarq e avaliar quais seus impactos no modelo Hipátia. Metodologia: A pesquisa se apoia no método de análise documental e possui caráter qualitativo. Ela também possui caráter exploratório, uma vez que avalia possíveis cenários a partir dos requisitos levantados. Resultados: A estrutura informacional dos requisitos presentes na resolução do Conarq foi sistematizada em quatro categorias. Estes requisitos foram analisados e suas características descritas. Ao final, foram identificados os desafios a serem superados para a sua incorporação no Hipátia. Considerações finais: O modelo Hipátia é inovador em vários sentidos, no entanto, resta claro que não é um modelo finalizado, uma vez que precisa constantemente incorporar avanços informacionais propostos pelas normas vigentes. Ao analisar a nova resolução do Conarq foi possível identificar os caminhos a serem percorridos e quais estratégias podem ser adotadas. Foi possível perceber que é possível sistematizar no modelo vigente mecanismos que permitam às instituições avançar na implementação de repositórios arquivísticos digitais confiáveis.

https://doi.org/10.20396/rebpred.v3i00.16583
PDF
ÁUDIO
VÍDEO

Referências

BRAGA, Tiago Emmanuel Nunes. Hipátia: modelo de preservação digital. Virtual: [s. n.], 2022.

CNJ, Conselho Nacional de Metrologia, Normalização e Qualidade Industrial. Resolução No 324 de 30/06/2020. Institui diretrizes e normas de Gestão de Memória e de Gestão Documental e dispõe sobre o Programa Nacional de Gestão Documental e Memória do Poder Judiciário – Proname. 2020. Disponível em: https://atos.cnj.jus.br/atos/detalhar/3376.

CONARQ, CONSELHO NACIONAL DE ARQUIVOS. RESOLUÇÃO No 43, DE 04 DE SETEMBRO DE 2015. [S. l.]: Ministério da Justiça, 4 set. 2015. Disponível em: http://conarq.arquivonacional.gov.br/images/publicacoes_textos/diretrizes_rdc_arq.pdf. Acesso em: 11 dez. 2019.

CONARQ, CONSELHO NACIONAL DE ARQUIVOS. Minuta: diretrizes para a implementação de repositórios arquivísticos digitais confiáveis - RDC-Arq. [S. l.]: Conarq, 2022. Disponível em: https://www.gov.br/conarq/pt-br/assuntos/noticias/consulta-publica-proposta-de-atualizacao-das-diretrizes-para-a-implementacao-de-repositorios-arquivisticos-digitais-confiaveis-2013-rdc-arq/minuta_diretrizes_rdc_arq_2021VF_Consulta.pdf/view.

HOLANDA, Alex. A nova estrutura RDC-Arq proposta pelo Conarq. Virtual: [s. n.], 2022.

SHINTAKU, Milton; BRAGA, Tiago Emmanuel Nunes; OLIVEIRA, Alexandre Faria de Hipátia: uma ferramenta livre no apoio à preservação digital. Revista Brasileira de Preservação Digital, v. 2, p. e021006–e021006, 2021. .

Creative Commons License
Este trabalho está licenciado sob uma licença Creative Commons Attribution 4.0 International License.

Copyright (c) 2022 Tiago Emmanuel Nunes Braga, Alex Pereira Holanda, Tatiana Canelhas (Autor)

Downloads

Não há dados estatísticos.