A felicidade em Tom Zé

citação, bossa nova, modernização

Autores

  • Leilor Miranda Soares Pesquisador independente

DOI:

https://doi.org/10.20396/muspop.v7i00.13847

Palavras-chave:

Tom Zé, Felicidade, Modernização, Estudando o samba (1976)

Resumo

Este artigo analisa as duas únicas regravações presentes no disco Estudando o samba (1976): “A felicidade” e “Vai (menina amanhã de manhã)”. Esta última apresenta uma certa noção de felicidade, trabalhada em alguns momentos na obra de Tom Zé, a qual será comparada com a noção de felicidade presente na canção de Jobim e Vinicius, tomada como emblema da “promessa de felicidade” formalizada na bossa nova. Ambas as gravações de Tom Zé serão consideradas como citações, ou seja, enquadramentos das versões anteriores, que refletem e comentam sobre aquelas. As noções de felicidade em questão serão relacionadas ao processo de modernização capitalista no Brasil, do qual serão extraídos seus sentidos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Leilor Miranda Soares, Pesquisador independente

Mestre em Filosofia pelo Instituto de Estudos Brasileiros da USP.

Referências

BRECHT, Bertolt. Mãe Coragem e seus filhos. In: BRECHT, Bertolt. Teatro completo, vol. 6. 3. ed. São Paulo: Paz e Terra, 1991.

BRECHT, Bertolt. A Santa Joana dos Matadouros. São Paulo: Cosac & Naify Edições, 2001.

BROWN, Nicholas. Brecht eu misturo com Caetano: citação, mercado e forma musical. Revista do Instituto de Estudos Brasileiros, São paulo, n. 59, p. 149-190, dez. 2014.

DIAS, Marcia Tosta. Os donos da voz: indústria fonográfica brasileira e mundialização da cultura. 2. ed. São Paulo: FAPESP/Boitempo Editorial, 2008.

DUNN, Christopher. Fazendo cócegas nas tradições: o samba disjuntivo de Tom Zé. Revista do Instituto de Estudos Brasileiros, São Paulo, n. 70, p. 149-165, ago. 2018.

FENERICK, José Adriano. Tom Zé: a crítica da canção popular e a canção popular crítica. Fênix: revista de história e estudos culturais, Uberlândia, v. 10, ano X, n. 2, p. 1-14, 2013.

FREIRE, Guilherme Araújo. Vanguarda, experimentalismo e mercado na trajetória artística de Tom Zé. 2015. Dissertação (Mestrado em Música) – Universidade Estadual de Campinas, Campinas, 2015.

FREIRE, Guilherme Araújo. A produção de Tom Zé na década de 1970: considerações sobre o projeto da música “operária” e o disco Estudando o samba. Revista do Instituto de Estudos Brasileiros, São Paulo, n. 68, p. 122-144, dez. 2017.

FREIRE, Guilherme Araújo. Tom Zé e o contra discurso do anti-herói: crítica e desconstrução da canção da MPB em Todos os olhos. Música Popular em Revista, Campinas, ano 5, v. 2, p. 9-34, jan-jul 2018.

GARCIA, Walter. Bim bom: a contradição sem conflitos de João Gilberto. São Paulo: Paz e Terra, 1999.

GARCIA, Walter. Cordialidade, melancolia, modernidade. In: GARCIA, Walter (org.). João Gilberto. São Paulo: Cosac Naify, 2012. pp. 207-231.

GARCIA, Walter. Radicalismos à brasileira. Celeuma, São Paulo, n. 1, vol. 1, p. 20-31, mai. 2013.

HOLANDA, Sérgio Buarque de. Raízes do Brasil. 26. ed. São Paulo: Companhia das Letras, 2001.

MAMMÌ, Lorenzo. João Gilberto e o projeto utópico da bossa nova. Novos Estudos, n. 34, São Paulo, Cebrap, p. 63-70, nov. 1992.

NAPOLITANO, Marcos. A música popular brasileira (MPB) dos anos 70: resistência política e consumo cultural. Actas del V Congresso Latinoamericano IASPM, 2002.

NAPOLITANO, Marcos. MPB: a trilha sonora da abertura política (1975/1982). Estudos avançados, São Paulo, USP/ IEA, n. 69, vol. 24, pp. 389-402, 2010.

NIETZSCHE, Friedrich. Genealogia da moral. São Paulo: Companhia das Letras, 2007.

OLIVEIRA, Francisco de. Crítica à razão dualista: o ornitorrinco. São Paulo: Boitempo, 2003.

ORTIZ, Renato. A moderna tradição brasileira. São Paulo: Brasiliense, 1994.

RENNÓ, Carlos. Caetano, em forma e com estilo. Valor econômico, São Paulo, 03 ago. 2012.

ROSENFELD, Anatol. O teatro épico. 6. ed. São Paulo: Perspectiva, 2008.

SANDRONI, Carlos. Feitiço decente: transformações do samba no Rio de Janeiro (1917-1933). 2. ed. Rio de Janeiro: Zahar, 2012.

SCHWARZ, Roberto. Sequências brasileiras. São Paulo: Companhia das Letras, 1999.

SOARES, Leilor Miranda. “Batiza esse neném”: mercado, MPB, samba e processo social em Estudando o samba, de Tom Zé. 2019. Dissertação (Mestrado em Estudos Brasileiros) – Instituto de Estudos Brasileiros, Universidade de São Paulo, São Paulo, 2019.

TATIT, Luiz. O cancionista: composição de canções no Brasil. São Paulo: Edusp, 1996.

TATIT, Luiz; LOPES, Ivan Carlos. Elos de melodia e letra. São Paulo: Ateliê Editorial, 2008.

VASCONCELLOS, Gilberto. Música popular: de olho na fresta. Rio de Janeiro: Graal, 1977.

Downloads

Publicado

2020-12-28

Como Citar

SOARES, L. M. A felicidade em Tom Zé: citação, bossa nova, modernização. Música Popular em Revista, Campinas, SP, v. 7, n. 00, p. e020010, 2020. DOI: 10.20396/muspop.v7i00.13847. Disponível em: https://econtents.bc.unicamp.br/inpec/index.php/muspop/article/view/13847. Acesso em: 4 mar. 2021.