Banner Portal
Ensino de ciências para crianças
PDF

Palavras-chave

Ensino de ciências
Anos iniciais
Sequência didática.

Como Citar

MARQUES, N. A.; VIVEIRO, A. A. Ensino de ciências para crianças: vivências sobre saúde e ambiente em uma abordagem CTSA. Ciências em Foco, Campinas, SP, v. 10, n. 2, 2018. Disponível em: https://econtents.bc.unicamp.br/inpec/index.php/cef/article/view/9733. Acesso em: 28 fev. 2024.

Resumo

O trabalho surge da participação da pesquisadora nas reuniões do Projeto denominado Ensino de Ciências para Crianças, desenvolvido pelo grupo FORMAR – Ciências da Faculdade de Educação da Unicamp. A pesquisa tem como objetivo investigar um processo de elaboração de uma sequência didática sobre vivências em Educação Ambiental, em uma abordagem de Ciência, Tecnologia e Sociedade (CTS), analisando possibilidadese limites da proposta para a alfabetização científica no contexto escolar. A elaboração da sequência contou inicialmente com uma pesquisa bibliográfica, buscando levantar trabalhos realizados no ambiente escolar. Após socialização das informações com uma equipe de professores e alunos, inicia-se a elaboração do material. Durante o processo, diários de campo, reuniões e discussões constituíram-se importantes instrumentos de trabalho. No resultado final obtém-se a sequência didática com a temática dengue. Essa pesquisa tomou como objetivo a alfabetização científica, buscando contribuir para um acesso maior dos indivíduos à cultura científica.

PDF

Referências

CAXIAS, G. S. Educação Ambiental e cidadania no ensino fundamental: unidade escolar conselheira Saraiva, Batalha- PI. Educação Ambiental em Ação, Ano 4, n. 58, dez. 2016.

COLOMBO, S. R. A Educação Ambiental como instrumento na formação da cidadania. Revista Brasileira de Pesquisa em Educação em Ciência, v.14, n.2, 2014.

FUMAGALLI, L. O ensino das ciências naturais no nível fundamental da educação formal: argumentos a seu favor. In: WEISSMANN, H. (Org.) Didática das ciências naturais: contribuições e reflexões. Porto Alegre: Artmed, 1998.

HARLEN, W. Enseñanza y aprendizaje de las ciencias. Madrid: Morata, 1989.

MINAYO, M. C. S. O desafio do conhecimento: pesquisa qualitativa em saúde. 7. ed. São Paulo: Hucitec; Rio de Janeiro: Abrasco, 2000. (Saúde em debate; 46).

SANTOS, J. G. et al. Educação Ambiental, cidadania e sustentabilidade: um estudo com alunos do ensino fundamental. Educação Ambiental em Ação, Ano 10, n. 38, dez-fev. 2011-2012. Disponível em: http://www.revistaea.org/artigo.php?idartigo=1125. Acesso em: 23.nov.2016.

SANTOS, W. L. P dos. Significados da educação científica com enfoque CTS. In. CTS e educação científica: desafios, tendências e resultados de pesquisas. Brasília: Editora Universidade de Brasília, p. 21-39, 2011.

SANTOS, W. L.; MORTIMER, E. F. Tomada decisão para ação social responsável no ensino de ciências. Ciência Educação, v.7, n.1, p. 95-111, 2011.

SASSERON, L. H.; CARVALHO, A. M. P. Almejando a alfabetização científica no ensino fundamental: a proposição e a procura de indicadores do processo. Investigações em Ensino de Ciências, v. 13, n. 3, p.333-352, 2008.

VIVEIRO, A. A. V.; DINIZ, R. E. S. Atividades de campo no ensino das ciências e na educação ambiental: refletindo sobre as potencialidades desta estratégia na prática escolar. Ciência em Tela, v. 2, n. 1, p.1-12, jul. 2009.

ZANCUL, M. C. S. Ciências no ensino fundamental. In: DEMONTE, A. et al. (Org.) Cadernos de formação: ciências e saúde. 2. ed. São Paulo: Páginas e Letras Editora e Gráfica, UNESP, Pró-reitora de Graduação, 2007.

Apesar do periódico ser de acesso aberto, utilizando a Licença Creative Commons, os direitos autorais dos trabalhos submetidos são de exclusividade da revista.

Downloads

Não há dados estatísticos.