Representações de Mussolini
PDF

Palavras-chave

Mussolini
Resistência
Representação
Fascismo
Duce

Como Citar

BORTULUCCE, V. B. Representações de Mussolini: do culto ao Duce à resistência. Encontro de História da Arte, Campinas, SP, n. 13, p. 884–888, 2018. DOI: 10.20396/eha.13.2018.4615. Disponível em: https://econtents.bc.unicamp.br/eventos/index.php/eha/article/view/4615. Acesso em: 25 fev. 2024.

Resumo

Como acontece com todo governo totalitário, a produção de imagens deve estar a serviço da ideologia do governo, reforçando os valores desejados e legitimando as práticas vigentes. Neste processo de produção de um universo imagético, as representações do líder do governo são de suma importância: para além dos propósitos de propaganda, a imagem do ditador deve penetrar o cotidiano dos indivíduos, no micro e no macro espaço. Sua presença é aquela do Big Brother orweliano: capaz de conciliar os papeis de pai e de carrasco, de conselheiro e de delator, de verdugo e de salvador, a imagem do líder, quanto mais papeis abarcar, mais forte será seu efeito em todas as camadas da sociedade e das consciências.

https://doi.org/10.20396/eha.13.2018.4615
PDF

Referências

ENCONTRO DA HISTÓRIA DA ARTE, v. 13, 2018. In: Arte em confronto: embates no campo da história da arte. Campinas: Unicamp, 2018.

Creative Commons License
Este trabalho está licenciado sob uma licença Creative Commons Attribution 4.0 International License.

Copyright (c) 2018 Vanessa Beatriz Bortulucce

Downloads

Não há dados estatísticos.