Escritos de artista
PDF

Palavras-chave

Escritos de artistas
Exposições
Ateliês

Como Citar

NOVAES, S. de O. Escritos de artista: do ateliê aos espaços expositivos. Encontro de História da Arte, Campinas, SP, n. 13, p. 811–819, 2018. DOI: 10.20396/eha.13.2018.4605. Disponível em: https://econtents.bc.unicamp.br/eventos/index.php/eha/article/view/4605. Acesso em: 25 fev. 2024.

Resumo

Os escritos de artista enquanto objeto de estudo, começam a ser mapeados, organizados e publicados a partir da segunda metade do século XX. As primeiras publicações que coletam de diversos acervos estes textos para sua difusão são: “Art in Theory 1900-19902: An Anthology of Changing Ideas”(1992), organizado por Charles Harrison e Paul Wood; “Theories and Documents of Contemporary Art” (1996), organizada por Kristine Stiles e Peter Selz; e “Escritos de Artista: anos 60/ 70”(2006) de Glória Ferreira e Cecília Cotrim, publicado no Brasil.

https://doi.org/10.20396/eha.13.2018.4605
PDF

Referências

ALBERTONI, Fernanda; AZEVEDO, Mário. Entrevista: Glória Ferreira. Revista Porto Arte, Porto Alegre, v. 15, n. 25, p.179-189, nov. 2008. Disponível em: http://seer.ufrgs.br/index.php/PortoArte/article/view/10769. Acesso em: 01 maio 2018.

ARANTES, Priscila. Livro/Acervo, Para Além do Arquivo e Arquivo Vivo: uma trilogia possível. Ars, São Paulo, v. 24, n. 12, p.9-18, nov. 2014.

BELTING, Hans. O fim da história da arte: uma revisão dez anos depois. São Paulo: Cosac Naify, 2006. 317 p., 23 cm.

BUREN, Daniel (1979). A função do ateliê. Título original: Fonction de l’atelier, in: LOOCK, Ulrich, Ed. Anarquitectura de Andrea Zittel, Porto, Público/Fundação de Serralves, 2005, pp. 48-53.

FACCO, Marta Lucia Cargnin. Reflexões sobre o ateliê como lugar/espaço em processos de criação em Artes Visuais. Revista Digital do Lav, [s.l.], v. 10, n. 2, p.213-227, 25 ago. 2017. Universidade Federal de Santa Maria. http://dx.doi.org/10.5902/1983734826890.

FERREIRA, Glória; COTRIM, Cecília (Org.). Escritos de artistas: anos 60/70. Tradução de Pedro Süssekind. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 2006. 461 p., 23 cm.

FOSTER, Hal; KRAUSS, Rosalind; BOIS, Yve-Alain; BUCHLOH, Benjamin. Art Since 1900: Modernism, Antimodernism, Postmodernism, New York: Thames & Hudson, 2011.

HARRISON, Charles; WOOD, Paul. Art in Theory: An Anthology of Changing Ideas. Oxford: Blackwell Publishers, 1992. 1189 p.

JUNQUEIRA, Lilian Maus. Escritos de artista nos arquivos em transformação. 2010. 156 f. Dissertação (Mestrado) - Curso de Artes Visuais, Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2010.

LIPPARD, Lucy; CHANDLER, John. Temáticas: A DESMATERIALIZAÇÃO DA ARTE. Arte & Ensaios, Rio de Janeiro, v. 25, p.151-165, maio 2013. Tradução Fernanda Pequeno e Marina P. Menezes de Andrade.

SALZSTEIN, Sônia. Transformações na esfera da crítica. Ars (são Paulo), [s.l.], v. 1, n. 1, p.83-89, 2003. FapUNIFESP (SciELO). http://dx.doi.org/10.1590/s1678-53202003000100008.

STILES, Kristine. Teorias e Documentos da Arte Contemporânea- Um livro-fonte de escritos de artistas: Introdução geral. Pós Belo Horizonte, Belo Horizonte, v. 2, n. 4, p.192-203, nov. 2012. Tradução por de Mário Azevedo. Disponível em: https://www.eba.ufmg.br/revistapos/index.php/pos/article/view/59/61. Acesso em: 01 maio 2017.

Creative Commons License
Este trabalho está licenciado sob uma licença Creative Commons Attribution 4.0 International License.

Copyright (c) 2018 Sophia de Oliveira Novaes

Downloads

Não há dados estatísticos.