Desdobramentos na representação da paisagem na pintura brasileira entre os séculos XIX e XXI
PDF

Palavras-chave

Pintura de paisagem
Brasil
Nicolas-Antoine Taunay
Luiz Zerbini

Como Citar

SILVA, F. R. da; SILVEIRA, L. M. Desdobramentos na representação da paisagem na pintura brasileira entre os séculos XIX e XXI. Encontro de História da Arte, Campinas, SP, n. 13, p. 383–392, 2018. DOI: 10.20396/eha.13.2018.4403. Disponível em: https://econtents.bc.unicamp.br/eventos/index.php/eha/article/view/4403. Acesso em: 26 fev. 2024.

Resumo

O objetivo desse texto é apresentar alguns desdobramentos da representação da paisagem na pintura brasileira produzida entre os séculos XIX e XXI, identificando embates e contradições existentes em produções desses dois períodos. A paisagem e a sua representação na pintura serão compreendidas como construções existentes entre a cultura, a sociedade e a tecnologia, sendo necessário o viés interdisciplinar para relacionar esses diferentes elementos. Para isso, serão aproximados dois artistas do contexto artístico do Rio de Janeiro, de diferentes momentos históricos, cujas produções apresentam a representação da paisagem na pintura: Nicolas-Antoine Taunay (França, 1755 – 1830), artista francês participante da Missão Francesa no Brasil no século XIX, e Luiz Zerbini (Brasil, 1959), artista brasileiro que trata a paisagem no século XXI. Esses dois artistas foram escolhidos pela potência artística em suas obras, ao demonstrar as contradições existentes nas representações, na arte e na cultura brasileiras. 

https://doi.org/10.20396/eha.13.2018.4403
PDF

Referências

ANJOS, Moacir dos. Contraditório: arte, globalização e pertencimento. Rio de Janeiro: Cobogó, 2017.

AUMONT, Jacques. A Imagem. Campinas: Papirus, 2008.

BERGER, J. Modos de ver. Rio de Janeiro: Rocco, 1999.

BESSE, Jean-Marc. As cinco portas da paisagem – ensaio de uma cartografia das problemáticas paisagísticas contemporâneas. O Gosto do Mundo: exercícios de paisagem. Rio de Janeiro: Ed. UERJ, 2014. pp. 11-66.

CAMPOS, Marcelo. Luiz Zerbini. Disponível em: http://fdag.com.br/app/uploads/2017/05/campos-marcelo-luiz-zerbini-2017.pdf. Acesso em 19 set. 2018.

CAUQUELIN, Anne. A invenção da paisagem. São Paulo: Martins, 2007.

DENIS, Rafael Cardoso. Uma introdução à história do design. São Paulo: Edgard Blücher, 2002.

ENTREVISTA COM LUIZ ZERBINI. Arte & Ensaios. Disponível em: https://www.ppgav.eba.ufrj.br/wp-content/

uploads/2016/03/1.ae30-entrevista-Luiz-Zerbini.pdf. Acesso em: Acesso em 19 set. 2018.

HALL, Stuart. A identidade cultural na pós-modernidade. Rio de Janeiro: DP&A Editora, 2006.

HALL, Stuart. Cultura e Representação. Rio de Janeiro: PUC-Rio / Apicuri, 2016.

MACHADO, Arlindo. Hipermídia: o labirinto como metáfora. In: DOMINGUES, Diana. A Arte no Século XXI. São

Paulo: Ed, UNESP, 1997. P. 70-78.

MACHADO, Arlindo. Pré-cinemas e pós-cinemas. Campinas: Papirus, 1997.

MADERUELO, Javier. Paisage: um término artístico. BULHÕES, Maria Amélia; KERN, Maria Lúcia Bastos. Paisagem: desdobramentos e perspectivas contemporâneas. Porto Alegre: Editora da UFRGS, 2010. pp. 13-34.

MATTOS, Claudia Valladão de. Goethe e Hackert: sobre a pintura de paisagem: quadros da natureza na Europa e no Brasil. Cotia: Ateliê Editorial, 2008.

NAVES, Rodrigo. Debret, o Neoclassicismo e a escravidão. In NAVES, Rodrigo. A forma difícil: ensaios sobre arte brasileira. São Paulo: Cia das Letras, 2011.

PICOLLI, Valeria. O olhar estrangeiro e a representação do Brasil, in BARCINSKI, Fabiana Werneck. Sobre a arte brasileira: da Pré-história aos anos 1960. São Paulo: Editora WMF Martins Fontes: Edições SESC São Paulo, 2014.p. 62 a 95.

SAMAIN, Etienne. As imagens não são bolas de sinuca. Como pensam as imagens, In SAMAIN, Etienne (Org.). Como Pensam as Imagens. Campinas: Unicamp, 2012, p. 21-36.

SCHWARCZ, Lilia Moritz. O sol do Brasil. São Paulo: Companhia das Letras, 2008.

SILVEIRA, Flávio Leonel Abreu da. A paisagem como fenômeno complexo, reflexões sobre um tema interdisciplinar. CANCELA, Cristina Donza; SILVEIRA, Flávio Leonel Abreu da. Paisagem e cultura: dinâmica do patrimônio e da memória na atualidade. Belém: EDUFPA, 2009. pp. 71-83.

Creative Commons License
Este trabalho está licenciado sob uma licença Creative Commons Attribution 4.0 International License.

Copyright (c) 2018 Francis Rodrigues da Silva, Luciana Martha Silveira

Downloads

Não há dados estatísticos.