"Museu Simeão Cananeia" - um espaço de história e educação em Bananeiras

Palavras-chave: Museu, Educação patrimonial, Bananeiras.

Resumo

Este artigo discute o Museu Simeão Cananéia como um lugar de educação em Bananeiras/PB. Fruto de uma pesquisa fundamentada na metodologia da educação patrimonial, expressa o desejo de registrar uma história, produzida a partir da relação do museu com a cidade. As memórias talhadas no acervo, inscritas no patrimônio arquitetônico e dadas a perceber pelas imagens e sons que ecoam durante as visitas que recebe foram elementos significativos para a produção desta escrita. O regimento da instituição, o decreto de criação, o inventário do acervo e o livro de assinaturas foram também consultados. Ao final desta investigação, constatamos que o museu carece de ações que potencializem suas possibilidades pedagógicas nas mais diversas áreas do saber, tanto como um veículo divulgador da história local, quanto como instituição que eduque e estimule o sentimento de preservação das coisas da cidade.

 

Biografia do Autor

Vivian Galdino de Andrade, Universidade Federal da Paraíba

Historiadora, Mestre e Doutora em Educação

Professora do Programa de Pós-graduação em História (PPGH/UFCG).

Professora Adjunta do Departamento de Educação, CCHSA/UFPB. 

Rayane Cristina Ilário Nascimento, Universidade Federal da Paraíba - Campus III
Pedagoga/ UFPB/Campus III

Referências

BRASIL. Estatuto Brasileiro de Museus. Legislação sobre os museus. 2º edição. Câmara dos deputados. Série Legislação,2013.

___. Caderno de Diretrizes Museológicas. Brasília: Ministério da Cultura / IPHAN. Superintendência de Museus, 2º Edição, 2006.

DOHME, Vânia. Atividades Lúdicas na Educação: o caminho de tijolos amarelos do aprendizado. Petrópolis: Vozes, 2003.

GOHN, Maria da Glória. Educação não-formal, participação da sociedade civil e estruturas colegiadas nas escolas. Ensaio: Rio de Janeiro, v. 14, n.50, p. 27-38, Jan./Mar/2006.

HORTA, Maria de Lourdes Parreira; GRUNBERG, Evelina; MONTEIRO, Adriane Queiroz. Guia Básico de Educação Patrimonial. IPHAN: Brasília, 1999.

MATTOS, Yara. Os museus e seus amigos. Disponível em: <https://www.revistamuseu.com.br/site/br/>. Acesso em: 29/11/17.

NORA, Pierre. Entre memória e história: a problemática dos lugares. São Paulo: PUC, 1993. (p.7-28.)

PAULINO, Kleber Magno Toscano. Um olhar elementar sobre a cidade de Bananeiras -PB. 2007. 39f. Monografia (Graduação em Geografia). Universidade Federal da Paraíba. João Pessoa – Campus I. João Pessoa - PB, 2007.

SILVA, Manoel Luiz da. Bananeiras: sua história, seus valores. Bananeiras, 1997.

Fontes documentais consultadas:

Lei Municipal Nº 381/2007.

Regimento Interno do MSC (2015).

Livro de Assinaturas do MSC (2014).

Inventário: Acervo exposto e Reserva técnica do MSC (2017).

Decreto de Tombamento do Centro Histórico de Bananeiras, Nº 31.842/2010.

Entrevistas realizadas

Jaime de Oliveira Souza (2017).

Publicado
2019-12-02
Como Citar
Andrade, V. G. de, & Nascimento, R. C. I. (2019). "Museu Simeão Cananeia&quot; - um espaço de história e educação em Bananeiras. RIDPHE_R Revista Iberoamericana Do Patrimônio Histórico-Educativo, 5, e019025. https://doi.org/10.20888/ridphe_r.v5i0.9652