Banner Portal
Fronteiras ampliadas, territórios movediços
PDF

Palavras-chave

Espaços
Poéticas visuais
Fronteiras

Como Citar

MARTINS FARINA, Mauricius. Fronteiras ampliadas, territórios movediços. Revista Visuais, Campinas, SP, v. 6, n. 2, p. i-iv, 2020. DOI: 10.20396/visuais.v6i2.14810. Disponível em: https://econtents.bc.unicamp.br/inpec/index.php/visuais/article/view/14810. Acesso em: 25 jun. 2024.

Resumo

A edição n.º 11 da Revista Visuais tem como o argumento a ideia de “Fronteiras ampliadas, territórios movediços”. Apresenta na sua seção artigos, três textos seleccionados pela comissão editorial da Revista Visuais, oferecendo como elemento ao diálogo questões complexas sobre o território, espécie, gênero, tradição, mestiçagens, através de experiências críticas e vivência relacional com os objetos de estudo. Estes textos refletem sobre um universo em alteração em sua orden política e nos ajudam para demonstrar que uma fricção entre limites, sejam geográficos, culturais, ou relacionados com problemas institucionais que nos impactam e que percebemos como testemunhas que uma alteração de forças se colocam em movimento.  Além disso publicamos o dossiê "Paisagem em metamorfose: transitoriedade e paradigma das relações humanas com o território", organizado por Domingos Loureiro.

https://doi.org/10.20396/visuais.v6i2.14810
PDF

Referências

BLANCO-BARRERA, R. O princípio da expansão na arte a partir de um caso de design gráfico, cor e instalação: dissoluções políticas geométricas. Revista Visuais, Campinas, SP, v. 6, n. 2, p. 229–243, [s.d.]. DOI: 10.20396/visuais.v6i2.14803.

CORBELLA LLOBET, D. . Paisagens da alma: Binômios estéticos e 33 pensamentos livres sobre pintura. Revista Visuais, Campinas, SP, v. 6, n. 2, p. 18–47, [s.d.]. DOI: 10.20396/visuais.v6i2.14766.

DA CRUZ OLIVEIRA, L. S. . Pode um museu de arte ter uma curadoria coletiva, feminista e descolonial?. Revista Visuais, Campinas, SP, v. 6, n. 2, p. 289–303, [s.d.]. DOI: 10.20396/visuais.v6i2.14799.

FERREIRA COLCHETE FILHO, A. .; VAREJÃO GIESE, J.; SÁ ANTUNES COSTA, L. M. . Interações entre o espaço público físico e o virtual.: A praça Mauá, Rio de Janeiro. Revista Visuais, Campinas, SP, v. 6, n. 2, p. 192–210, [s.d.]. DOI: 10.20396/visuais.v6i2.14776.

FORTUNATO LIMA, L. Mapa em ruína: Metáfora e apelo imaginativo. Revista Visuais, Campinas, SP, v. 6, n. 2, p. 95–113, [s.d.]. DOI: 10.20396/visuais.v6i2.14770.

LOUREIRO, D. Paisagem em metamorfose. : Transitoriedade e paradigma das relações humanas com o território. Revista Visuais, Campinas, SP, v. 6, n. 2, p. 1–17, [s.d.]. DOI: 10.20396/visuais.v6i2.14802.

NOLASCO, E. C. Paisagens desconoliais. Revista Visuais, Campinas, SP, v. 6, n. 2, p. 244–283, [s.d.]. DOI: 10.20396/visuais.v6i2.14792.

PELAEZ BRAVO, P. Arbor-artealización : Elemento configurador del paisaje pintado y su proyección en el aprendizaje servicio. . Revista Visuais, Campinas, SP, v. 6, n. 2, p. 161–191, [s.d.]. DOI: 10.20396/visuais.v6i2.14767.

PITEIRA, S. Da natureza à arte: Uma poética da criação. Revista Visuais, Campinas, SP, v. 6, n. 2, p. 211–228, [s.d.]. DOI: 10.20396/visuais.v6i2.14765.

RUIZ BAÑÓN, M. L. . Paisagens líquidas e tempos dissolvidos. : Cartografia artístico e a memória do lugar. Revista Visuais, Campinas, SP, v. 6, n. 2, p. 68–94, [s.d.]. DOI: 10.20396/visuais.v6i2.14809.

SABINO , I. Havia um pessegueiro na ilha: Torres na paisagem, com Holanda, Acre e Puzzle (para “azul”). Revista Visuais, Campinas, SP, v. 6, n. 2, p. 129–160, [s.d.]. DOI: 10.20396/visuais.v6i2.14764.

TORRES GONÇALVES, S. A caligrafia da paisagem: a essência da linha oriental na pintura de Domènec Corbella. Revista Visuais, Campinas, SP, v. 6, n. 2, p. 48–67, [s.d.]. DOI: 10.20396/visuais.v6i2.14774.

Creative Commons License

Este trabalho está licenciado sob uma licença Creative Commons Attribution-NonCommercial-NoDerivatives 4.0 International License.

Copyright (c) 2020 Revista Visuais

Downloads

Não há dados estatísticos.