Um sofisma platônico

Autores

  • Flávio Ribeiro de Oliveira Universidade Estadual de Campinas

Palavras-chave:

Sofisma. Platão. Sócrates.

Resumo

No trecho do Fédon situado entre 102a e 107a, Platão, por intermédio da personagem de Sócrates, demonstra a imortalidade da alma. Sócrates responde às objeções apresentadas por Cebes à doutrina da imperecibilidade da alma. Sem refutar completamente as demonstrações anteriores de Sócrates, Cebes admitia que a alma poderia durar mais do que o corpo, mas hesitava em aceitar que ela não se dissolvesse após ter vivido em muitos corpos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Flávio Ribeiro de Oliveira, Universidade Estadual de Campinas

Prof. Dr. do Depto de Linguística do IEL

Downloads

Publicado

2012-12-17

Como Citar

Oliveira, F. R. de. (2012). Um sofisma platônico. Phaos: Revista De Estudos Clássicos, (1). Recuperado de https://econtents.bc.unicamp.br/inpec/index.php/phaos/article/view/9592

Edição

Seção

Artigos

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)