Conclusão do edifício da Biblioteca da FZEA-USP
Capa do Eixo 1, sobre Administração, Gestão e Liderança
PDF

Palavras-chave

Biblioteca universitária
Infraestrutura de bibliotecas
Construção de bibliotecas

Categorias

Como Citar

LIMA, Girlei Aparecido de; DOZENA, Marcelo Roberto; PELLEGRINI, Vanessa Rodrigues; OLIVEIRA, Erica Beatriz Pinto Moreschi de. Conclusão do edifício da Biblioteca da FZEA-USP: infraestrutura permitirá inclusão e pertencimento. Congresso dos Profissionais das Universidades Estaduais de São Paulo, Campinas, SP, n. 2, p. e023124, 2023. DOI: 10.20396/conpuesp.2.2023.4995. Disponível em: https://econtents.bc.unicamp.br/eventos/index.php/conpuesp/article/view/4995. Acesso em: 20 maio. 2024.

Resumo

Introdução/Objetivo: A equipe da Biblioteca da FZEA-USP apresentou a demanda de conclusão do edifício, que teve sua 1ª fase contemplada em 2011. Diante do recolhimento dos recursos financeiros em 2013, não foi possível finalizar a obra nos anos seguintes à inauguração da 1ª etapa. Quase dez anos depois, em 2022, diante da proposta apresentada ao Magnifico Reitor da USP, foi aprovada a utilização do superávit financeiro da USP para investimentos em construções já encaminhadas anteriormente, como é o caso da conclusão deste edifício. O objetivo é relatar a necessidade de conclusão do prédio, tornando o espaço mais funcional, acessível e com melhores condições para o ensino e a permanência estudantil. Metodologia: Foram extraídas informações da literatura, estudo preliminar interno, acerca da necessidade de um espaço mais acolhedor e tecnológico. Resultados: É evidente a defasagem de espaço físico, e a construção de ambientes de estudo em grupo, individuais, um auditório e uma moderna sala de estudos 24h, são necessidades emergenciais que suprirão todas as carências de espaço físico. As áreas administrativas praticamente não serão aumentadas, beneficiando integralmente espaço para a comunidade de usuários. Conclusão: Os espaços físicos das bibliotecas estão sendo repensados, o crescimento do acervo físico não é mais uma das prioridades. A pandemia da COVID-19 trouxe algumas mudanças, sendo necessária a criação de espaços que proporcionem acolhimento, pertencimento, inclusão e permanência estudantil. Com a implementação de recursos tecnológicos, conforto térmico, acessibilidade e um rico acervo científico, toda a comunidade terá um espaço moderno, humano e acolhedor.

https://doi.org/10.20396/conpuesp.2.2023.4995
PDF

Referências

CRISTIANINI, Gláucia Maria Saia; MORAES, Juliana de Souza. Construção de bibliotecas: considerações e avaliação pós-ocupação. In: SEMINÁRIO NACIONAL DE BIBLIOTECAS UNIVERSITÁRIAS - SNBU, 15., 2008, São Paulo. Anais [...] . São Paulo: CRUESP, 2008. p. 1-11. Disponível em: http://repositorio.febab.org.br/items/show/4257. Acesso em: 12 set. 2023.

DOZENA, Marcelo Roberto; LIMA, Girlei Aparecido de; RAMOS, Cláudio Fernando Germano. Resultados de uma parceria: construção do novo edifício do serviço de biblioteca e informação (SBI) da FZEA/USP. In: SEMINÁRIO NACIONAL DE BIBLIOTECAS UNIVERSITÁRIAS - SNBU, 16., 2010, Rio de Janeiro. Anais [...] . Rio de Janeiro: UFRJ/SIBI, CRUESP, 2010. p. 1-12. Disponível em: http://repositorio.febab.org.br/files/original/48/5705/SNBU2010_260.pdf. Acesso em: 13 set. 2023.

Creative Commons License
Este trabalho está licenciado sob uma licença Creative Commons Attribution 4.0 International License.

Copyright (c) 2023 Girlei Aparecido de Lima, Marcelo Roberto Dozena, Vanessa Rodrigues Pellegrini, Erica Beatriz Pinto Moreschi de Oliveira (Autor)

Downloads

Não há dados estatísticos.