O Desenvolvimento Chinês e a Mercantilização do Direito de Uso da Terra

Autores

  • Heloísa Pinheiro Rosa de Castro Universidade de São Paulo

Palavras-chave:

China, Desenvolvimento Econômico, Agricultura Familiar, Expropriação Fundiária, Hukou

Resumo

As enormes transformações pelas quais passaram a economia e a sociedade chinesas nos últimos trinta anos têm estimulado um significativo aumento na produção acadêmica acerca das dinâmicas por trás de tais mudanças. Entretanto, temas relacionados ao meio rural e ao setor agrícola, como a questão da recente acentuação do processo de mercantilização dos direitos de uso da terra e a consequente expropriação das terras de camponeses, não têm sido suficientemente endereçados por essa literatura, especialmente no Brasil. Tendo em vista essa lacuna nos estudos sobre o desenvolvimento chinês, a pesquisa, que se encontra em um estágio inicial, terá como objetivo investigar os interesses por trás do avanço da comodificação da terra na China contemporânea e o modo como governos locais (provinciais e municipais) e empresas (tanto domésticas quanto transnacionais) têm se articulado na promoção desse avanço...

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Heloísa Pinheiro Rosa de Castro, Universidade de São Paulo

Aluna do Programa de Mestrado em Sociologia da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da Universidade de São Paulo (FFLCH-USP) e bolsista CNPq. Bacharela em Relações Internacionais pela Universidade de São Paulo (2018). Foi bolsista FAPESP em projeto de Iniciação Científica na área de Saúde Global e Difusão Global de Políticas Públicas (2017-2018).

Downloads

Publicado

2020-02-13

Como Citar

CASTRO, Heloísa Pinheiro Rosa de. O Desenvolvimento Chinês e a Mercantilização do Direito de Uso da Terra. Seminário Pesquisar China Contemporânea, Campinas, SP, n. 3, 2020. Disponível em: https://econtents.bc.unicamp.br/eventos/index.php/chinabrasil/article/view/3139. Acesso em: 24 abr. 2024.