Eficácia de um questionário de autopercepção como ferramenta de triagem das habilidades auditivas

Autores

  • Tamíris Aparecida Novaes de Oliveira Universidade Estadual de Campinas
  • Maria Isabel Ramos do Amaral Universidade Estadual de Campinas
  • Samantha D. C. B. Plotegher Universidade Estadual de Campinas
  • Nádia G. de Carvalho Universidade Estadual de Campinas

DOI:

https://doi.org/10.20396/revpibic2620181280

Palavras-chave:

Processamento auditivo, Triagem, Questionário.

Resumo

O objetivo do trabalho consistiu em analisar o uso de um questionário de autopercepção como instrumento de triagem das habilidades auditivas aplicado em escolares. O estudo foi realizado em uma Escola (etapa 1) e no Laboratório de Audiologia da Instituição (etapa 2). Os escolares foram divididos em dois grupos com base na avaliação do professor responsável: GI (bom desempenho escolar) e GII (dificuldades escolares). Passaram pela etapa 1 (meatoscopia, imitanciometria e aplicação do questionário baseado no “Scale of Auditory Behaviors”) 52 escolares, sendo 36 do GI e 16 GII, e pela etapa 2 (avaliação audiológica básica e avaliação comportamental do Processamento Auditivo (PAC)) 38 escolares, sendo 28 do GI e 10 do GII. No questionário foi acrescentada uma “situação-exemplo” para facilitar o entendimento. O escore total variava de 12 a 60 pontos. Nos testes comportamentais, considerou-se Transtorno do PAC (TPAC) o resultado alterado em pelo menos 2 testes da bateria. O escore médio no questionário do G1 foi de 45+8,06 e no G2 de 39+9,23 sendo o corte de normalidade de 28,88. Foram considerados como risco de TPAC, a partir do instrumento original que sugere pontuação <46 pontos, 17 crianças do G1 e 12 do G2. Na etapa 2 foram classificadas com TPAC 7 escolares do GI e 6 escolares do GII. Concluindo, não foi observada correlação direta entre o questionário e a avaliação diagnóstica, sendo o instrumento considerado como complementar na bateria de triagem das habilidades auditivas.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Tamíris Aparecida Novaes de Oliveira, Universidade Estadual de Campinas

Aluna de graduação da Unicamp

Maria Isabel Ramos do Amaral, Universidade Estadual de Campinas

Docente da Unicamp

Downloads

Publicado

2019-02-18

Como Citar

OLIVEIRA, T. A. N. de; AMARAL, M. I. R. do; PLOTEGHER, S. D. C. B.; CARVALHO, N. G. de. Eficácia de um questionário de autopercepção como ferramenta de triagem das habilidades auditivas. Revista dos Trabalhos de Iniciação Científica da UNICAMP, Campinas, SP, n. 26, 2019. DOI: 10.20396/revpibic2620181280. Disponível em: https://econtents.bc.unicamp.br/eventos/index.php/pibic/article/view/1280. Acesso em: 23 jul. 2021.