Gestão de projetos de sistemas institucionais da UNESP com ferramentas visuais e colaborativas
Capa do Eixo 1, sobre Administração, Gestão e Liderança
PDF

Palavras-chave

Gestão de projetos
Planejamento de entregas
Metodologia ágil
Trabalho colaborativo
Desenvolvimento de software

Categorias

Como Citar

GARCIA, Raphael. Gestão de projetos de sistemas institucionais da UNESP com ferramentas visuais e colaborativas. Congresso dos Profissionais das Universidades Estaduais de São Paulo, Campinas, SP, n. 2, p. e023181, 2023. DOI: 10.20396/conpuesp.2.2023.4956. Disponível em: https://econtents.bc.unicamp.br/eventos/index.php/conpuesp/article/view/4956. Acesso em: 30 maio. 2024.

Resumo

Introdução: O Grupo Técnico da Unesp gerencia mais de 80 sistemas institucionais e adotou a metodologia do PMI em 2018. Enfrentou desafios de visualização entre áreas técnicas e de negócios. Em 2022, melhorou o processo com ferramentas ágeis e gestão visual colaborativa. Objetivo:  Melhorar o planejamento, a eficiência e produtividade das entregas dos sistemas institucionais da Unesp por meio de metodologias ágeis e ferramentas visuais colaborativas para gestão de projetos, tornando o processo de desenvolvimento de software mais transparente e intuitivo. Metodologia: O fluxo para o desenvolvimento de sistemas na Unesp foi aprimorado com a adoção de quadros Kanban visualmente detalhados, contendo diversos status desde o início até a conclusão de uma tarefa. Além do Kanban, para uma perspectiva mais estratégica voltada à área de negócios, foi introduzida uma ferramenta ágil denominada RoadMap, utilizada pelo método SCRUM. O RoadMap exibe uma rota das entregas que são mapeadas em períodos e oferece transparência ao processo devido à exibição de detalhes dos projetos, responsáveis, progressos e prazos. Resultados: As equipes agora têm uma visão clara e transparente das atividades, melhorando a gestão e colaboração. As ferramentas permitem envolvimento ativo em todas as etapas e uma fácil visualização do progresso dos projetos. O próximo objetivo é criar painéis de indicadores de performance para todas as áreas envolvidas. Conclusão: O uso do RoadMap melhorou significativamente a gestão de projetos da Unesp, oferecendo planejamento e rastreabilidade transparentes. Junto ao "super Kanban" no desenvolvimento, as entregas foram divididas em atividades controladas visualmente por cartões digitais.

https://doi.org/10.20396/conpuesp.2.2023.4956
PDF

Referências

PMBOK: Um Guia do Conhecimento em Gerenciamento de Projetos (Guia PMBOK)/Project Management Institute. Sexta edição. Pensilvânia/EUA, 2017.

SUTHERLAND JEFF: A arte de fazer o dobro do trabalho na metade do tempo. São Paulo: LeYa, 2014.

Creative Commons License
Este trabalho está licenciado sob uma licença Creative Commons Attribution 4.0 International License.

Copyright (c) 2023 Raphael Garcia (Autor)

Downloads

Não há dados estatísticos.