Aspectos psicológicos do assédio moral

Autores

  • Maria Elenice Quello Areias Universidade Estadual de Campinas
  • Maria Inalda G. Baraquet Universidade Estadual de Campinas

DOI:

https://doi.org/10.20396/sinteses.v0i2.8671

Palavras-chave:

Assédio moral. Inveja. Poder

Resumo

O Assédio Moral, também conhecido como Mobbing, ou Assédio Psicológico no Trabalho é uma violência sutil, uma tortura psicológica, que pode ser imperceptível aos demais não envolvidos na trama. A violência moral no trabalho não provoca o mesmo risco para todas as pessoas. Ela afeta os trabalhadores diferentemente e de diversas formas. Esse trabalho objetiva buscar melhor entendimento da causalidade psicológica envolvida no Assédio Moral. O que leva alguém, na grande maioria das vezes, em posição hierarquicamente superior e com melhores condições financeiras, a perseguir e humilhar o outro? Dentre os fatores mais importantes estão a inveja e o poder. Os mecanismos típicos da inveja e do poder foram estudados primeiramente, de forma mais profunda, por Melaine Klein e Alfred Adler. Conclusão: a inveja e o abuso do poder estão na base do Assédio Moral. Entender os aspectos inconscientes do Assédio permite clarificar o fenômeno e facilitar o diagnóstico e a prevenção.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Maria Elenice Quello Areias, Universidade Estadual de Campinas

CECOM/ UNICAMP

Maria Inalda G. Baraquet, Universidade Estadual de Campinas

CECOM/ UNICAMP

Downloads

Publicado

2008-09-29

Como Citar

AREIAS, M. E. Q.; BARAQUET, M. I. G. Aspectos psicológicos do assédio moral. Sínteses: Revista Eletrônica do SimTec, Campinas, SP, n. 2, p. 245–245, 2008. DOI: 10.20396/sinteses.v0i2.8671. Disponível em: https://econtents.bc.unicamp.br/inpec/index.php/simtec/article/view/8671. Acesso em: 26 set. 2022.

Edição

Seção

Eixo 3 - Desenvolvimento Humano, Saúde e Qualidade de Vida