Banner Portal
Produção científica na UNICAMP: “teses alternativas” em questão
PDF

Palavras-chave

Trabalhos acadêmicos. Normalização. Teses e dissertações

Como Citar

RIBEIRO, C. M. Produção científica na UNICAMP: “teses alternativas” em questão. Sínteses: Revista Eletrônica do SimTec, Campinas, SP, n. 2, p. 205–205, 2016. Disponível em: https://econtents.bc.unicamp.br/inpec/index.php/simtec/article/view/8568. Acesso em: 2 mar. 2024.

Resumo

Analisa tendências da produção acadêmica nos programas de pós-graduação stricto sensu na área de Ciências Biológicas da UNICAMP, tendo como objeto de estudo teses e dissertações defendidas no período de 1999 a 2005. Identifica também as ferramentas de normalização disponíveis para os alunos, concernentes à apresentação de trabalhos, e, tece reflexões sobre o papel do profissional da informação neste ambiente. Por meio de uma análise qualitativa, com aplicação de entrevistas, o comportamento dos sujeitos envolvidos no processo de produção e comunicação da ciência diante dos critérios para avaliação da produção científica é investigado. A submissão de artigos em diversas revistas científicas leva os pesquisadores a adotarem as normas destas publicações em seus trabalhos, criando assim um modelo denominado “tese alternativa”, regulamentada na UNICAMP por decisão da PRPG. As conclusões mostram que o bibliotecário continua se adaptando às novas demandas, e nesse caso, participando mais ativamente do processo de geração do conhecimento, assumindo assim, o perfil multiprofissional exigido para atender a multidisciplinaridade contemplada pela Universidade.
PDF
Creative Commons License
Este trabalho está licenciado sob uma licença Creative Commons Attribution 4.0 International License.

Copyright (c) 2016 Celia Maria Ribeiro

Downloads

Não há dados estatísticos.