Redesenho do processo da coleta de amostra de sangue para tipagem sanguínea e testes imunohematológicos

Autores

  • Su Yan Ling Universidade Estadual de Campinas

DOI:

https://doi.org/10.20396/sinteses.v4i4.7314

Palavras-chave:

Segurança do paciente. Enfermagem. Transfusão de sangue

Resumo

A transfusão de sangue e hemocomponentes é uma tecnologia relevan¬te na terapêutica moderna. Seu uso adequado em condições de morbidade ou mortalidade significativa e que não podem ser prevenidas ou controladas efetivamente de outra maneira, pode salvar vidas e melhorar a saúde dos pacientes. Contudo erros durante as fases do processo de transfusão podem acarretar consequências graves ao paciente ou até mesmo o óbito. Objetivos: Redesenhar o processo para aumentar a segurança e agilizar o processo transfusional. Métodos: O projeto foi baseado na Metodologia GEPRO - Gestão por Processos. Foi traçado o mapa do processo e identificadas as principais desconexões. Depois, foi elaborado um novo fluxograma do processo, contemplando as mudanças propostas. Foram criados indicadores relacionados com os objetivos citados e coletados dados antes e após as mudanças para verificar se foram alcançadas as melhorias esperadas. As principais intervenções do projeto foram a coletas de tipagem sanguínea realizada por equipe exclusiva pelo Banco de Sangue, implantação de checklist para prevenção de danos e exigência do uso da pulseira de identificação pelo paciente. Resultados: Diminuição de não-conformidade em amostras, diminuição do tempo médio entre a solicitação e a entrada da requisição no Banco de Sangue, manutenção do acesso venoso para a instalação do hemocomponente, incorporação da checklist, exigência da pulseira de identificação pelo paciente e maior adesão da equipe às medidas de segurança. Considerações Finais: Os ganhos com as atividades do projeto piloto foram satisfatórios e demonstrou que uma equipe específica para realização do procedimento é viável e efetiva. 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Su Yan Ling, Universidade Estadual de Campinas

Mestra pela Faculdade de Enfermagem (UNICAMP) na área de pesquisa Saúde do Trabalhador. Graduação e licenciatura em Enfermagem pela Universidade Estadual de Campinas (2003) , pós-graduação em Estomaterapia pela Universidade Estadual de Campinas (2009) e pós-graduação em Enfermagem do Trabalho pelo Centro Universitário São Camilo ( 2012). Enfermeira contratada do Hospital das Clínicas da Universidade Estadual de Campinas. Tem experiência na área de Enfermagem, com ênfase na assistência aos pacientes com doenças gastrointestinais (clínica/cirúrgica), incluindo os pacientes estomizados. Atualmente, é enfermeira supervisora da unidade de internação de pacientes clínicos e cirúrgicos. Membro da Equipe Multiprofissional de Prevenção e Tratamento de Feridas ( EMPTF) , do grupo Núcleo de Avaliação em Saúde ( NATS) do HC -UNICAMP e da Rede Brasileira de Enfermagem e Segurança do Paciente ( REBRAENSP).

Downloads

Publicado

2016-07-15

Como Citar

LING, S. Y. Redesenho do processo da coleta de amostra de sangue para tipagem sanguínea e testes imunohematológicos. Sínteses: Revista Eletrônica do SimTec, Campinas, SP, v. 4, n. 4, p. 72–72, 2016. DOI: 10.20396/sinteses.v4i4.7314. Disponível em: https://econtents.bc.unicamp.br/inpec/index.php/simtec/article/view/7314. Acesso em: 6 out. 2022.

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)