Banner Portal
Familiarizando
PDF

Palavras-chave

Acolhimento. Família. Codependencia.

Como Citar

FERREIRA, Petra; RODRIGUES, Natascha Oliveira. Familiarizando. Sínteses: Revista Eletrônica do SimTec, Campinas, SP, n. 6, p. 191–191, 2016. Disponível em: https://econtents.bc.unicamp.br/inpec/index.php/simtec/article/view/8866. Acesso em: 22 jun. 2024.

Resumo

O Projeto Familiarizando é destinado á família dos servidores atendidas no Programa de Atenção a Dependência Química, ou servidores que tem adictos em seu núcleo familiar e tem como objetivo Propiciar informações à família sobre as questões sociais, psicológicas e a codependência, visando à autonomia de sua vida e o enfrentamento junto à doença do dependente químico. O Projeto propicia acolhimento individual e ou/grupo, auxiliando-as em suas dificuldades sobre como lidar com a questão da Dependência Química; ampliando sua rede de apoio, o seu fortalecimento, oferecendo subsídios necessários no sentido de habilitá-la a conviver adequadamente com a doença do funcionário e também cuidar da doença já instalada em si mesma, ou seja, a codependência. Os acolhimentos acontecem em dois módulos sendo executado por uma Assistente Social, uma Psicóloga e uma Estagiária de Serviço Social e são realizados através de entrevista semiestruturada, dinâmicas, oficinas, palestras, roda de conversas e troca de saberes entre os membros e profissionais, porém em nenhum dos casos é descartado o encaminhamento para terapia, quando observado a necessidade. Desde a sua implantação em agosto de 2012 até o momento foram atendidas 38 famílias e realizados 189 encontros. Observamos boa receptividade, sobretudo no que tange a proposta de reconstrução das relações familiares, afetivas e sociais. Para tal, é necessária uma participação familiar consistente e afetiva, que a mesma tenha conhecimento de como agir assertivamente com aquele que se encontra em processo de recuperação.

PDF
Creative Commons License
Este trabalho está licenciado sob uma licença Creative Commons Attribution 4.0 International License.

Copyright (c) 2016 Petra Ferreira, Natascha Oliveira Rodrigues

Downloads

Não há dados estatísticos.