Segurança e higiene do trabalho em estações de tratamento de água

Autores

  • Joao Pedro Causo Neto Universidade Estadual de Campinas
  • R. F. Figueiredo Universidade Estadual de Campinas
  • Bruno Coraucci Filho Universidade Estadual de Campinas

DOI:

https://doi.org/10.20396/sinteses.v0i2.8842

Palavras-chave:

Segurança do trabalho. Riscos ambientais. Água – Estações de tratamento.

Resumo

Em qualquer atividade humana, há diversos fatores causadores de acidentes: uso de ferramentas diversas, máquinas ruidosas e sem proteções em partes móveis, substâncias químicas, pisos escorregadios ou irregulares, elementos energizados desprotegidos e ingresso em áreas com presença de gases tóxicos ou deficiência de oxigênio. Estes fatores, se previamente identificados e avaliados, podem ser controlados, evitando danos à integridade física dos profissionais. Buscou-se, neste estudo, a identificação para as estações de tratamento de água - ETA, através de parâmetros macro, o cumprimento da legislação de saúde e segurança atividade. A metodologia consistiu na aplicação e análise de questionário específico, envolvendo profissionais de 45 ETA no Estado de São Paulo, e em visitas técnicas a nove estações de tratamento. Concluiu-se que grande parte dos acidentes decorre do não atendimento, de forma plena, das obrigações e programas contidos nas normas regulamentadoras existentes na legislação brasileira, pela necessidade de melhorar o sistema de registro dos acidentes, e de aperfeiçoamento no projeto de novas ETA com eliminação de espaços confinados, adequação ergonômica das instalações e melhoria de instalações elétricas.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Joao Pedro Causo Neto, Universidade Estadual de Campinas

COTUCA/UNICAMP

R. F. Figueiredo, Universidade Estadual de Campinas

COTUCA/UNICAMP

Bruno Coraucci Filho, Universidade Estadual de Campinas

COTUCA/UNICAMP

Downloads

Publicado

2016-09-12

Como Citar

CAUSO NETO, J. P.; FIGUEIREDO, R. F.; CORAUCCI FILHO, B. Segurança e higiene do trabalho em estações de tratamento de água. Sínteses: Revista Eletrônica do SimTec, Campinas, SP, n. 2, p. 321–321, 2016. DOI: 10.20396/sinteses.v0i2.8842. Disponível em: https://econtents.bc.unicamp.br/inpec/index.php/simtec/article/view/8842. Acesso em: 5 dez. 2022.

Edição

Seção

Eixo 3 - Desenvolvimento Humano, Saúde e Qualidade de Vida

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)