Banner Portal
Projeto acolhimento: uma motivação acertada nas relações de trabalho
PDF

Palavras-chave

Acolhimento. Qualidade de trabalho. Creche

Como Citar

LOURENCO, C.; BONFIM, V. F. F.; PISSOLITO, C. A. C.; BATISTA, M. A. M. Projeto acolhimento: uma motivação acertada nas relações de trabalho. Sínteses: Revista Eletrônica do SimTec, Campinas, SP, n. 2, p. 308–308, 2016. DOI: 10.20396/sinteses.v0i2.8815. Disponível em: https://econtents.bc.unicamp.br/inpec/index.php/simtec/article/view/8815. Acesso em: 29 maio. 2023.

Resumo

No mundo do trabalho, transformações importantes, no âmbito das organizações, vêm sendo realizadas nas últimas décadas, através de um processo acelerado e diferenciado, no que se refere ao gerenciamento das relações sociais. A proposta deste trabalho é relatar o Projeto Acolhimento para usuários da Creche Área de Saúde da Unicamp (Cas), como forma de facilitar as relações de trabalho entre usuários e equipe da creche, neste espaço oferecido pela Universidade aos pais que optam por este tipo de atendimento a seus filhos. Trata-se de um estudo descritivo, onde esforços na busca da qualidade do trabalho e dos relacionamentos na instituição, tem sido monitorado desde 2003. O atendimento da Cas é direcionado aos filhos ou dependentes legais dos funcionários, na faixa etária de 2,5 meses até 4 anos, que atuam na área de saúde, em horários diferenciados ou turnos, inclusive aos sábados, domingos e feriados. Assim, sendo a creche um ambiente propício a constantes inter-relacionamentos, é esperado que situações conflitantes se façam presentes, principalmente relacionadas ao perfil profissional dos usuários, suas expectativas e a das professoras. Foi justamente esta característica de inter-relacionamentos, que passou a ser nosso maior objeto de estudo, com vistas a investir na qualidade deste atendimento público.
https://doi.org/10.20396/sinteses.v0i2.8815
PDF
Creative Commons License
Este trabalho está licenciado sob uma licença Creative Commons Attribution 4.0 International License.

Copyright (c) 2016 Cecilia Lourenco, Valeria Fernandes Ferreira Bonfim, Cecilia Aparecida Cobbos Pissolito, Maria Aparecida Moori Batista

Downloads

Não há dados estatísticos.