Treinamento para assistente técnico de laboratório

Autores

  • Maria Elizabete Fernandes Dias Universidade Estadual de Campinas
  • Fatima Aparecida de Almeida Costa Universidade Estadual de Campinas
  • Eliana Maria Perritorri Motta Universidade Estadual de Campinas
  • Dirce Yorika Kabuci Universidade Estadual de Campinas
  • C. B. Ferreira Universidade Estadual de Campinas
  • Ana Lourdes Neves Gandara Universidade Estadual de Campinas

DOI:

https://doi.org/10.20396/sinteses.v0i2.8602

Palavras-chave:

Treinamento. Laboratório. Plantas-piloto

Resumo

O treinamento teve como objetivo melhorar o conhecimento e a atuação dos assistentes técnicos de laboratório, conscientizando o grupo sobre o valor dessa função na equipe técnica dos laboratórios e das plantas-piloto, interferindo na auto-estima e melhorando a motivação para o desempenho dessa função. Para compor o grupo de trabalho foram convidados técnicos com experiência, habilidade didática e conhecimento das diferentes abordagens e trabalhos desenvolvidos no ensino e na pesquisa dos quatro Departamentos da Faculdade de Engenharia de Alimentos. O programa envolveu aulas interativas e expositivas, aulas práticas e visitas a diferentes laboratórios da Faculdade. Foi preparada apostila com linguagem acessível e conteúdo que contemplava as atividades de todos os envolvidos no treinamento. Foi abordada a conscientização das competências da Faculdade no ensino e na pesquisa, e a importância desse profissional nesse contexto. Para melhorar o conhecimento técnico foram ministradas aulas para diferenciação de laboratórios biológicos, químicos e plantas-piloto de processamento de alimentos. O conteúdo incluiu técnicas de limpeza de vidrarias e equipamentos, preparo de materiais de laboratório, preparo de soluções simples, manutenção de equipamentos, estocagem de produtos químicos, resíduos perigosos, higiene e segurança pessoal e no ambiente de trabalho, atividades em planta piloto incluindo aula prática dos temas abordados e suas principais dificuldades. O envolvimento dos assistentes com os técnicos foi fundamental para a motivação de ambos no sentido de melhorar e participar mais ativamente das atividades de rotina. A motivação aumentava e o entrosamento ficava evidente no decorrer dos oito encontros semanais (3h). Ações pro-ativas dos funcionários mais graduados no sentido de qualificar uma equipe criam vínculos e melhoram a atuação dos funcionários de uma instituição.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Maria Elizabete Fernandes Dias, Universidade Estadual de Campinas

FEA/ UNICAMP

Fatima Aparecida de Almeida Costa, Universidade Estadual de Campinas

FEA/ UNICAMP

Eliana Maria Perritorri Motta, Universidade Estadual de Campinas

FEA/ UNICAMP

Dirce Yorika Kabuci, Universidade Estadual de Campinas

FEA/ UNICAMP

C. B. Ferreira, Universidade Estadual de Campinas

FEA/ UNICAMP

Ana Lourdes Neves Gandara, Universidade Estadual de Campinas

FEA/ UNICAMP

Downloads

Publicado

2016-09-12

Como Citar

DIAS, M. E. F.; COSTA, F. A. de A.; MOTTA, E. M. P.; KABUCI, D. Y.; FERREIRA, C. B.; GANDARA, A. L. N. Treinamento para assistente técnico de laboratório. Sínteses: Revista Eletrônica do SimTec, Campinas, SP, n. 2, p. 222–222, 2016. DOI: 10.20396/sinteses.v0i2.8602. Disponível em: https://econtents.bc.unicamp.br/inpec/index.php/simtec/article/view/8602. Acesso em: 7 out. 2022.

Edição

Seção

Eixo 2 - Desenvolvimento de Ensino, Pesquisa e Extensão

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)