Mamografia por contraste de fase aplicada a amostras in vitro

Autores

  • J. R. L. Mardegan Universidade Estadual de Campinas
  • Carlos Alberto Paula Leite Universidade Estadual de Campinas
  • Carlos Miguel Giles Universidade Estadual de Campinas
  • M. B. Freitas Universidade Estadual de Campinas
  • H. S. Rocha Universidade Estadual de Campinas
  • G. R. Pereira Universidade Estadual de Campinas
  • I. Matarazzo Universidade Estadual de Campinas

DOI:

https://doi.org/10.20396/sinteses.v0i2.8490

Palavras-chave:

Mamografia. Radiografia por contraste de fase. Câncer de mama

Resumo

O câncer de mama é uma das doenças nocivas mais comuns entre as mulheres, ficando atrás apenas do câncer de pele em número de incidência no Brasil, mas é o primeiro em número de óbitos no planeta. Pesquisas revelaram que no ano de 2005 foram registrados cerca de 502 mil óbitos devido ao câncer de mama e já para 2020 são previstos mais de 6 milhões de mortes. O rastreamento desta doença é feito principalmente através de exames mamográficos, com o intuito de encontrar a doença em um estágio precoce de desenvolvimento. Como as primeiras alterações celulares que geram este tumor se assemelham muito com o tecido ao redor, torna-se difícil encontrar esses vestígios nas imagens. O trabalho desenvolvido pelo nosso grupo visa explorar o método de Radiografias por Contraste de Fase (RCF) para obter imagens de alta resolução permitindo que as interfaces entre tecidos sadios e patogênicos sejam claramente distinguidas. Esta técnica utiliza um feixe coerente de raios-X obtido através da difração por cristais de silício em um arranjo não dispersivo. Na radiografia convencional (RC) o contraste da imagem é formado pela diferença de atenuação dos tecidos à passagem do feixe de raios-X, enquanto na RCF o contraste é produzido pela interferência de raios refratados ao atravessarem a amostra. Resultados preliminares mostram que, além de gerar imagens de alta resolução o que resultará em diagnóstico mais preciso, a dose para as imagens de RCF são semelhantes à de RC.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

J. R. L. Mardegan, Universidade Estadual de Campinas

IFGW/ UNICAMP

Carlos Alberto Paula Leite, Universidade Estadual de Campinas

IFGW/ UNICAMP

Carlos Miguel Giles, Universidade Estadual de Campinas

IFGW/ UNICAMP

M. B. Freitas, Universidade Estadual de Campinas

IFGW/ UNICAMP

H. S. Rocha, Universidade Estadual de Campinas

IFGW/ UNICAMP

G. R. Pereira, Universidade Estadual de Campinas

IFGW/ UNICAMP

I. Matarazzo, Universidade Estadual de Campinas

IFGW/ UNICAMP

Downloads

Publicado

2016-09-12

Como Citar

MARDEGAN, J. R. L.; LEITE, C. A. P.; GILES, C. M.; FREITAS, M. B.; ROCHA, H. S.; PEREIRA, G. R.; MATARAZZO, I. Mamografia por contraste de fase aplicada a amostras in vitro. Sínteses: Revista Eletrônica do SimTec, Campinas, SP, n. 2, p. 181–181, 2016. DOI: 10.20396/sinteses.v0i2.8490. Disponível em: https://econtents.bc.unicamp.br/inpec/index.php/simtec/article/view/8490. Acesso em: 6 out. 2022.

Edição

Seção

Eixo 2 - Desenvolvimento de Ensino, Pesquisa e Extensão