Banner Portal
Exposição ocupacional e hipersensibilidade ao látex nos trabalhadores das equipes de enfermagem e médica da uti neonatal de um hospital universitário
PDF

Palavras-chave

Alergia ao látex. Luvas de látex. Saúde ocupacional.

Como Citar

LOPES, Rosimeire Aparecida Mendes; BENATTI, Maria Cecilia Cardoso; ZOLLNER, Ricardo de Lima. Exposição ocupacional e hipersensibilidade ao látex nos trabalhadores das equipes de enfermagem e médica da uti neonatal de um hospital universitário. Sínteses: Revista Eletrônica do SimTec, Campinas, SP, n. 2, p. 161–161, 2016. Disponível em: https://econtents.bc.unicamp.br/inpec/index.php/simtec/article/view/8392. Acesso em: 22 jul. 2024.

Resumo

Identificar a prevalência de hipersensibilidade do tipo I ao látex nos trabalhadores das equipes médica e de enfermagem de uma unidade de terapia intensiva neonatal; identificar os fatores de risco associados; identificar associação na presença de manifestações clínicas de dermatite de contato, urticária, reações por inalação de antígenos dispersados no ar; identificar associação nas reações sugestivas de alergia ao látex em situações cotidianas. MÉTODO: Estudo descritivo de corte transversal com 96 trabalhadores da UTI neonatal do CAISM/ UNICAMP. Todos os sujeitos foram entrevistados, coletado sangue para teste ELISA (IgE específica ao látex) e submetidos ao teste cutâneo de punctura (TCP) com antígenos extraídos de luvas de látex. O teste exato de Fisher e de Mann-Whitney foi utilizado para a análise estatísticas dos dados. RESULTADOS: A prevalência obtida foi de 8%.Houve evidência de associação entre TCP e relato de uso diário de luva (p= 0.04); atopia (p= 0.02); eczema (p=0.01); alergia alimentar (p=0.009) para abacaxi (p=0.01), reação por aerodispersão (p=0,05) para ataques de espirros (p=0.03), respiração difícil (p=0.05) e angioedema (p=0.03).

PDF
Creative Commons License
Este trabalho está licenciado sob uma licença Creative Commons Attribution 4.0 International License.

Copyright (c) 2016 Rosimeire Aparecida Mendes Lopes, Maria Cecilia Cardoso Benatti, Ricardo de Lima Zollner

Downloads

Não há dados estatísticos.