Cultura de células: usos na pesquisa básica e aplicada

Autores

  • Ana Lucia Rodrigues da Soledade Universidade Estadual de Campinas
  • Maria Silva Vicarri Gatti Universidade Estadual de Campinas

DOI:

https://doi.org/10.20396/sinteses.v0i2.8363

Palavras-chave:

Cultura celular. Pesquisa básica e aplicada.

Resumo

Culturas de linhagens celulares estabelecidas ou a cultura de células primárias têm sido utilizadas tanto na pesquisa básica como na aplicada, em diferentes áreas da biologia, medicina humana e veterinária e biotecnológica. Isso se dá pela diversidade de modelos e origens, pelo seu fácil manuseio, até mesmo na inserção e deleção de genes e por não serem muito onerosas. Ainda, com essas culturas, em muitos casos é possível a substituição do uso de animais em testes de laboratório, ou pelo menos serem preliminares a ele. Dentre muitas das aplicações das culturas celulares tem-se os testes de citotoxicidade e mecanismos de ação de drogas e produtos microbianos, estudos dos mecanismos moleculares celulares, produção e testes de vacinas virais ou recombinantes, entre outros. Para tal, são utilizadas diversas linhagens celulares, cada uma com características diferentes, que serão selecionadas de acordo com o experimento ou objetivos pretendidos. A manutenção dessas células está bem estabelecida requerendo meios de cultura adequados e infra-estrutura física e de equipamentos próprios.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Ana Lucia Rodrigues da Soledade, Universidade Estadual de Campinas

IB/ UNICAMP

Maria Silva Vicarri Gatti, Universidade Estadual de Campinas

IB/ UNICAMP

Downloads

Publicado

2016-09-12

Como Citar

SOLEDADE, A. L. R. da; GATTI, M. S. V. Cultura de células: usos na pesquisa básica e aplicada. Sínteses: Revista Eletrônica do SimTec, Campinas, SP, n. 2, p. 146–146, 2016. DOI: 10.20396/sinteses.v0i2.8363. Disponível em: https://econtents.bc.unicamp.br/inpec/index.php/simtec/article/view/8363. Acesso em: 27 set. 2022.

Edição

Seção

Eixo 2 - Desenvolvimento de Ensino, Pesquisa e Extensão