Banner Portal
Análise da rugosidade em furos obtidos por fresamento helicoidal interpolado e broca com insertos intercambiáveis
PDF

Como Citar

MAGRI, Aristides; DINIZ, Anselmo Eduardo; SUYAMA, Daniel Iwao; CORREA, Fabiano. Análise da rugosidade em furos obtidos por fresamento helicoidal interpolado e broca com insertos intercambiáveis. Sínteses: Revista Eletrônica do SimTec, Campinas, SP, n. 6, p. 92–92, 2016. Disponível em: https://econtents.bc.unicamp.br/inpec/index.php/simtec/article/view/8248. Acesso em: 26 maio. 2024.

Resumo

Furos são elementos muito comuns e importantes “features” em peças mecânicas. Empregados em várias peças e produtos que desempenham importantes funções como: condutores de fluídos, alojamento de rolamentos, interiores de roscas, acoplamento de eixos, buchas, fixação etc. Os furos podem ser realizados por diferentes processos, cada um com suas características e importâncias dentro da manufatura.Na furação convencional com brocas, a qualidade do furo não é atingida e uma operação posterior se faz necessária. Uma alternativa para elevar a qualidade dos furos é o uso do fresamento helicoidal interpolado (FHI). O presente trabalho tem por objetivo principal avaliar e comparar as qualidades dos furos obtidos por brocas com insertos intercambiáveis e o fresamento helicoidal interpolado. Nos ensaios o material do corpo de prova utilizado foi o aço ABNT 1045 e 2 parâmetros de corte em níveis diferentes: avanço (f), 1 e 2 mm/ciclo além de 0,08 e 0,15 mm/dente para o fresamento e na furação 0,047; 0,100 e 0,150 mm/volta, em segundo a velocidade de corte (vc) 350 e 385 m/min para o fresamento e 120 e 180 m/min para a furação. Os parâmetros de saída analisados foram a rugosidade superficial e tempo de furação dos processos utilizados. Foi constatado que a rugosidade superficial está diretamente relacionada com o tempo de usinagem, uma vez que este é influenciado diretamente pelo avanço axial (faz) o qual possui a maior influência na rugosidade.

PDF
Creative Commons License
Este trabalho está licenciado sob uma licença Creative Commons Attribution 4.0 International License.

Copyright (c) 2016 Aristides Magri, Anselmo Eduardo Diniz, Daniel Iwao Suyama, Fabiano Correa

Downloads

Não há dados estatísticos.