Formação técnico – profissional: alternativa à graduação

Autores

  • José Rodrigues Oliveira Universidade Estadual de Campinas

DOI:

https://doi.org/10.20396/sinteses.v1i3.7993

Palavras-chave:

Cursos técnicos. Cursos profissionalizantes. Formação profissionall. Formação complementar

Resumo

O pós-ensino médio resulta em reflexão para muitos daqueles que já estão empregados. O que vale mais a pena, buscar uma formação complementar técnica ou cursar uma graduação? Para muitos profissionais que já trabalham na Unicamp ou em outra empresa/órgão, sobretudo em algumas áreas como Enfermagem, Farmácia ou Nutrição, a formação técnica pode ser uma alternativa interessante, num plano imediato. A formação técnica é também uma área atendida pelo ProSeres, programa gerenciado pelo GGBS, atendendo à expressiva demanda dos profissionais da Unicamp o ProSeres realiza uma seleção criteriosa das escolas técnicas parceiras. Verifica-se se o curso é credenciado ou autorizado, a fim de proporcionar ao profissional da Unicamp uma formação de qualidade, inclusive com pareceres de especialistas. Observa-se que a formação técnico-profissional em algumas situações, funciona como alternativa à graduação. Não necessariamente uma exclui a outra, pode até haver complementaridade.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

José Rodrigues Oliveira, Universidade Estadual de Campinas

UNICAMP/GR/GGBS

Publicado

2016-08-16

Como Citar

OLIVEIRA, J. R. Formação técnico – profissional: alternativa à graduação. Sínteses: Revista Eletrônica do SimTec, Campinas, SP, v. 1, n. 3, p. 328–329, 2016. DOI: 10.20396/sinteses.v1i3.7993. Disponível em: https://econtents.bc.unicamp.br/inpec/index.php/simtec/article/view/7993. Acesso em: 7 dez. 2022.

Edição

Seção

Eixo 5 - Área de Desenvolvimento Humano e Qualidade de Vida

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)