Irradiação seguida de transferência ovariana como uma alternativa para restaurar funções reprodutivas

Autores

  • Andréia Ruis Salgado Universidade Estadual de Campinas

DOI:

https://doi.org/10.20396/sinteses.v1i3.7862

Palavras-chave:

Irradiação. Transplante de ovários. Fertilidade

Resumo

A falência do ovário e a incapacidade de preservar oócitos nas pacientes após-quimio e radioterapia, tem levado ao desenvolvimento de tecnologias para a preservação da fertilidade. O presente estudo busca avaliar a fertilidade em fêmeas irradiadas de camundongos bem como a eficácia da transferência ovariana na restauração da reprodução. Para tanto, camundongos isogênicos C57BL/6 (doadora do ovário) e híbridos B6C-F1 (receptora do ovário) foram irradiadas com raios gama (60Co) na dose de 4,0 Gy e taxa de dose 28,4 Gy / h, no Centro de Tecnologia de Radiação IPEN-CNEN/SP. Os transplantes foram realizados nas fêmeas irradiadas sob anestesia e na técnica, a bolsa ovariana foi cortada, os ovários originais removidos e substituídos por ovários não irradiados. Foram feitos dois grupos experimentais: o G1: Transplante de ovário bilateral e G2: Fêmeas B6 irradiadas. As fêmeas dos grupos G1 e G2, foram acasaladas com machos C57BL/6, 7 e 30 dias após a irradiação e ao transplante ovariano. Os resultados, em número de nascimentos por ninhada, foram: acasalados com 7 dias G1(3,4 ± 1,81) e G2 (3,8 ± 1,30); acasalados com 30 dias: G1 (3,0 ± 0,70) e G2 (0). Estes resultados demonstram que a irradiação em curto prazo (7 dias) não comprometeu a reprodução em ambas as linhagens enquanto em longo prazo (30 dias), observou-se o contrário, sugerindo um efeito tardio da radiação. As fêmeas irradiadas e acasaladas com 7 e 30 dias após o transplante apresentaram ninhada, sugerindo que esta técnica pode ser uma alternativa à restauração das funções reprodutivas

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Andréia Ruis Salgado, Universidade Estadual de Campinas

UNICAMP/CEMIB - Laboratório de Criopreservação e Reprodução Assistida

Downloads

Publicado

2016-08-16

Como Citar

SALGADO, A. R. Irradiação seguida de transferência ovariana como uma alternativa para restaurar funções reprodutivas. Sínteses: Revista Eletrônica do SimTec, Campinas, SP, v. 1, n. 3, p. 162–163, 2016. DOI: 10.20396/sinteses.v1i3.7862. Disponível em: https://econtents.bc.unicamp.br/inpec/index.php/simtec/article/view/7862. Acesso em: 1 out. 2022.

Edição

Seção

Eixo 4 - Área Médica e Biológicas