Banner Portal
Análise da resistência à doença de chagas experimental em camundongos: estudos em linhagens consômicas
PDF

Palavras-chave

Doença de chagas. Camundongo. Linhagem consômica

Como Citar

DIAS, V. L.; GIMENES, A. P.; SALGADO, A. R.; CORAT, M. A. F.; PASSOS, L. A. C. Análise da resistência à doença de chagas experimental em camundongos: estudos em linhagens consômicas. Sínteses: Revista Eletrônica do SimTec, Campinas, SP, v. 1, n. 3, p. 219–220, 2016. Disponível em: https://econtents.bc.unicamp.br/inpec/index.php/simtec/article/view/7811. Acesso em: 22 fev. 2024.

Resumo

Estudos com infecção experimental em camundongos com a Cepa Y de Trypanosoma cruzi demonstraram no passado que os cromossomos 7, 11, 14, 17 e 19 têm importância na resistência à Doença de Chagas (Passos, 2003 e Graefe, 2003). Para entender a influência destes cromossomos em separado e a sua interação na resistência, foram produzidas linhagens consômicas a partir de camundongos isogênicos de fenótipo susceptível (A/J Unib) e resistente (C57BL/6 Unib). Os animais estão sendo desafiados com doses de 101 , 102 , 103 e 104 formas de parasitos para acompanhamento da parasitemia, mortalidade e sobrevivência. Os resultados obtidos até o momento indicam que os animais consômicos para o cromossomo 7 tiveram 65% de sobrevivência com 101 e 35% com 103 formas. O cromossomo 19 apresentou 20% de sobrevivência para a dose de 101 . Consômicos para os cromossomos 11, 14 e 17 não sobreviveram. Porém, o cruzamento entre estas linhagens produziram os seguintes resultados: animais do Cr7 x Cr11 tiveram 5% de sobrevivência com dose de 103 ; Cr7 x Cr19 , 42% com 101 e até 5% com 104 ; Cr11 x Cr19, 15% de sobrevivência com 101 . Pudemos concluir com estes resultados parciais que o cromossomo 7 tem a maior participação na resistência. Quando em interação com o cromossomo 19 parece levar a sobrevivência até doses maiores. O cromossomo 11, quando do cruzamento com os cromossomos 7 e 19 reduziu a sobrevivência dos animais com todas as doses.
PDF
Creative Commons License
Este trabalho está licenciado sob uma licença Creative Commons Attribution 4.0 International License.

Copyright (c) 2016 Viviane Liotti Dias, Ana Paula Gimenes, Andréia Ruis Salgado, Marcus A. Finzi Corat, Luiz Augusto Corrêa Passos

Downloads

Não há dados estatísticos.