Arquitetura sustentavel – casa sapo

Autores

  • Renata França Marangoni Universidade Estadual de Campinas

DOI:

https://doi.org/10.20396/sinteses.v1i3.7760

Palavras-chave:

Arquitetura sustentável. Caráter holístico. Pedagogia infantil

Resumo

Ser sustentável é saber viver dentro da capacidade de suporte do planeta. Desenvolvimento sustentável é aquele que conduz a sustentabilidade. Tal questão coloca o homem atual diante de metas e estratégias para enfrentar novos desafios. Na arquitetura não é diferente. Já que o ambiente construído gera grande impacto no ambiente natural. Neste contexto se inicia o desafio de projetar uma “casa infantil sustentável” como resposta a uma arquitetura mais saudável. O projeto descrito a seguir tem um caráter holístico. Suas estratégias estão focadas no conforto ambiental, aproveitamento e reuso de recursos, definição dos materiais e paisagismo integrado. O trabalho demonstra uma maneira de entrelaçar as necessidades e aspiração de cada individua a suas dimensões físicas, cognitiva, sensorial e espiritual. Com o objetivo de integrar o homem com a natureza por meio do resgate da sabedoria antiga. Utilizando elementos da natureza como Água, Ar, Fogo, Terra e Éter aliados a novas tecnologias, alem de resgatar o universo infantil existente em cada individuo. O projeto reúne magia, tecnologia e consciência ambiental. A casa infantil sustentável, denominada Casa Sapo integra os elementos naturais sob o ponto de vista infantil traduzido numa linguagem de contos de fadas. A Casa foi apresentada no evento Casa Cor em 2009 e obteve o prêmio de melhor espaço sustentável. A idéia aqui é apresentar na comunidade da UNICAMP, como incentivo para a sua construção ligada ao projeto de creche modelo do NIDIC, a ser incorporado pelo Ceci e Prodecad.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Renata França Marangoni, Universidade Estadual de Campinas

UNICAMP

Downloads

Publicado

2016-08-16

Como Citar

MARANGONI, R. F. Arquitetura sustentavel – casa sapo. Sínteses: Revista Eletrônica do SimTec, Campinas, SP, v. 1, n. 3, p. 149–150, 2016. DOI: 10.20396/sinteses.v1i3.7760. Disponível em: https://econtents.bc.unicamp.br/inpec/index.php/simtec/article/view/7760. Acesso em: 28 set. 2022.

Edição

Seção

Eixo 3 - Área de Ciências Humanas e Artes

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)