Banner Portal
Implantação de sistema de classificação de pacientes em hospital universitário: resultados preliminares
PDF

Palavras-chave

Gerenciamento de informação. Dimensionamento de pessoal. Método de classificação

Como Citar

DINI, Ariane Polidoro. Implantação de sistema de classificação de pacientes em hospital universitário: resultados preliminares. Sínteses: Revista Eletrônica do SimTec, Campinas, SP, v. 1, n. 3, p. 75–76, 2016. Disponível em: https://econtents.bc.unicamp.br/inpec/index.php/simtec/article/view/7658. Acesso em: 25 jul. 2024.

Resumo

A classificação de pacientes, em categorias de cuidado, possibilita realizar diagnóstico situacional para decisões e negociações na adequação de recursos humanos e materiais. Desta forma, a realização de Trabalho de Conclusão de Curso do Programa de Desenvolvimento Gerencial e de curso para a Gestão por Processos teve como objetivo identificar o perfil assistencial dos pacientes internados na Enfermaria de Pediatria no ano de 2008 estendendo-se, como replicabilidade do projeto, para as enfermarias de adultos em 2009, abrangendo um total de 365 leitos de internação do hospital. Foi implantado processo de classificação de pacientes, utilizando-se instrumentos de classificação publicados e desenvolvido uma planilha eletrônica para viabilizar a tabulação e organização de imensa quantidade de informações, correspondendo à função de um banco de dados. O armazenamento e a recuperação dos dados coletados das unidades assistenciais permitem inferir a medida da carga de trabalho, a complexidade assistencial, o nível de severidade e a dependência dos pacientes atendidos no HC. Os resultados de dois anos de coleta de dados da enfermaria de pediatria e de um ano nas unidades de internação de adultos demonstram que o HC cumpre sua missão enquanto instituição de nível terciário, de forma que o perfil assistencial é de predominância de pacientes com necessidades de saúde complexas e de alta dependência para a realização de cuidados de higiene, conforto e de procedimentos técnicos. Os dados permitem ainda inferir a necessidade real do número de profissionais para assistir com segurança e qualidade os pacientes em cada unidade de internação.
PDF
Creative Commons License
Este trabalho está licenciado sob uma licença Creative Commons Attribution 4.0 International License.

Copyright (c) 2016 Ariane Polidoro Dini

Downloads

Não há dados estatísticos.