As parcerias institucionais como estratégia de desenvolvimento de benefícios espontâneos

Autores

  • Edison Cardoso Lins Universidade Estadual de Campinas
  • Armando Comunalle Júnior Universidade Estadual de Campinas
  • José Rodrigues de Oliveira Universidade Estadual de Campinas
  • Selma Silva Cesário Universidade Estadual de Campinas

DOI:

https://doi.org/10.20396/sinteses.v0i2.7630

Palavras-chave:

Parcerias e alianças. Desenvolvimento. Benefícios espontâneos

Resumo

O presente trabalho aborda as parcerias institucionais como uma estratégia de desenvolvimento de benefícios espontâneos. Esse tipo de trabalho, que tem se mostrado satisfatório – devido às conquistas obtidas, que refletem em qualidade de vida aos funcionários – deve ser estimulado para propiciar, cada vez mais, que se abra um leque diversificado de parcerias. É importante destacar que as parcerias devem ser encaradas como um desafio, uma vez que consistem em selecionar os parceiros, avaliar os riscos e identificar os fatores que justifiquem a ação. Após essa análise e, ao verificar a viabilidade, os resultados conquistados permitem às organizações envolvidas um crescimento em sua frente de atuação (em tamanho, em recursos, em área geográfica e no aumento de serviços oferecidos, por exemplo). O resumo enfatiza algumas parcerias entre o GGBS e Instituições de Ensino Superior - IES, como também parcerias entre o Serviço Social do Comércio – SESC e com o Serviço Social da Indústria – SESI, que viabilizam benefícios espontâneos, refletindo, dessa forma, em melhor qualidade de vida aos funcionários.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Edison Cardoso Lins, Universidade Estadual de Campinas

GGBS/UNICAMP

Armando Comunalle Júnior, Universidade Estadual de Campinas

GGBS/UNICAMP

José Rodrigues de Oliveira, Universidade Estadual de Campinas

GGBS/UNICAMP

Selma Silva Cesário, Universidade Estadual de Campinas

GGBS/UNICAMP

Downloads

Publicado

2016-09-12

Como Citar

LINS, E. C.; COMUNALLE JÚNIOR, A.; OLIVEIRA, J. R. de; CESÁRIO, S. S. As parcerias institucionais como estratégia de desenvolvimento de benefícios espontâneos. Sínteses: Revista Eletrônica do SimTec, Campinas, SP, n. 2, p. 51–51, 2016. DOI: 10.20396/sinteses.v0i2.7630. Disponível em: https://econtents.bc.unicamp.br/inpec/index.php/simtec/article/view/7630. Acesso em: 1 dez. 2022.

Edição

Seção

Eixo 1 - Administração e Gestão

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

1 2 3 4 > >>