Medicamentos orais: o uso de soluções extemporâneas em pacientes da unidade de terapia intensiva neonatal no hospital da mulher prof.dr. José Aristodemo Pinotti – CAISM – UNICAMP

Autores

  • Márcio Lopes Souza Universidade Estadual de Campinas

DOI:

https://doi.org/10.20396/sinteses.v4i4.7413

Palavras-chave:

Solução extemporânea. UTI neonatal. Farmácia hospitalar

Resumo

Introdução: A administração de medicamentos orais e via sonda em pacientes internados na Unidade de Terapia Intensiva Neonatal e Semi- Itensivo (SEMI E UTI NEO) deve ocorrer de forma racional e segura, uma vez que muitos problemas podem surgir se esta prática for executada de maneira inadequada. Objetivo: O objetivo do estudo foi avaliar as doses prescritas dos medicamentos orais padronizados no Semi e Uti Neo do Hospital da Mulher Prof. Dr. José Aristodemo Pinotti (CAISM) da Unicamp, visando adequar as concentrações dos medicamentos preparados através de soluções extemporâneas.Metodologia: Foi realizado um estudo no período de janeiro de 2010 a agosto de 2011 das prescrições dos medicamentos orais padronizados no Semi e Uti Neo e posterior análise através do Excel. Resultados: Foram analisados 19 medicamentos orais prescritos no período, sendo que cinco (26,31%) possuem consumo regular, sendo eles captopril, furosemida, metadona, metildopa e sildenafil. Das soluções atualmente utilizadas seis devem sofrer alterações nas concentrações (31,58%), para adequação de acordo com a dose prescrita, sendo que o principal fator de complicação foi a presença de prescrições para recém- nascidos de baixo peso e o calculo de dose e volume a ser administrado. Os dados foram armazenados na forma de tabela para consulta antes do processo de manipulação. Conclusão: A compilação e divulgação destes dados auxilia a equipe do Serviço de Farmácia e Semi e Uti Neo a implementar uma terapia farmacológica de forma racional, prevenindo problemas relacionados a administração de medicamentos orais e sonda.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Márcio Lopes Souza, Universidade Estadual de Campinas

UNICAMP

Downloads

Publicado

2016-07-15

Como Citar

SOUZA, M. L. Medicamentos orais: o uso de soluções extemporâneas em pacientes da unidade de terapia intensiva neonatal no hospital da mulher prof.dr. José Aristodemo Pinotti – CAISM – UNICAMP. Sínteses: Revista Eletrônica do SimTec, Campinas, SP, v. 4, n. 4, p. 230–230, 2016. DOI: 10.20396/sinteses.v4i4.7413. Disponível em: https://econtents.bc.unicamp.br/inpec/index.php/simtec/article/view/7413. Acesso em: 7 out. 2022.

Edição

Seção

Eixo 3 - Desenvolvimento Humano, Saúde e Qualidade de Vida