Grupo de orientação pré-operatória na unidade de internação em ginecologia

Autores

  • Maria José Reis Universidade Estadual de Campinas

DOI:

https://doi.org/10.20396/sinteses.v4i4.7395

Palavras-chave:

Enfermagem. Saúde da mulher. Educação em saúde

Resumo

O papel educativo do enfermeiro é evidente na fase perioperatória, pois, o paciente será submetido a diversos procedimentos e preparos, que geram situações de desconforto e ansiedade. Problema: O procedimento cirúrgico é percebido pelo paciente como um acontecimento de risco. Assim, no pré-cirúrgico o paciente pode apresentar medo, ansiedade , estresse devido incertezas sobre os acontecimentos que sucedem, o procedimento cirúrgico, e remetem a desequilíbrios emocionais, que podem prejudicar na recuperação pós-operatório. Solução: O enfermeiro da Unidade de Ginecologia convida a participar do grupo de orientação pré-operatório, na noite que antecede as mulheres internadas para submeterem a procedimentos cirúrgicos. O grupo é formado em círculo, por aproximadamente 70 minutos são realizadas orientações e discussões sobre procedimentos que precedem a cirurgia, como : preparo intestinal, jejum, banho, rotina do centro cirúrgico, esclarecimentos sobre a anestesia e cirurgia, e outros questionamentos que abrangem o período do pós-operatório até a alta hospitalar. Avaliação: Os relatos destas mulheres durante a dinâmica de grupo indicou possíveis diagnósticos de enfermagem presentes, como: Ansiedade, Medo, Déficit de Conhecimento, Dor Aguda e Crônica, Risco para Infecção, Sono e Conforto Alterado. No período de internação foi possível perceber que a identificação destes diagnósticos, possibilitou uma intervenção de enfermagem com maior precisão e, conseqüentemente, contribuiu na redução do estresse no pré e intra-operatório, e melhor recuperação física ,emocional no pós-operatório. Conclusão: Este grupo demonstrou ser um fator que contribui na diminuição do medo, da ansiedade por esclarecer etapas do tratamento. 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Maria José Reis, Universidade Estadual de Campinas

Possui graduação em Enfermagem pela Pontificia Universidade Católica de Campinas (1990). Atualmente é enfermeiro da Universidade Estadual de Campinas. Especializaçào em Enfermagem Ginecológica pela Associaçào Brasileira de Obstetrizes e Enfermeiros Obstetras (2004), especializaçào em Educaçào Profissional na Área de Saúde pela Escola Nacional de Saúde Pública Sérgio Arouca (2005) e Mestre em Tocoginecologia na área de Ciências Biomédicas pela Universidade Estadual de Campinas (2008). Tem experiência na área de Enfermagem, com ênfase em Enfermagem Onco/Ginecologia, atuando principalmente nos seguintes temas: violência sexual, assistência de enfermagem, saúde da mulher, diagnóstico de enfermagem e precaução universal.

Downloads

Publicado

2016-07-15

Como Citar

REIS, M. J. Grupo de orientação pré-operatória na unidade de internação em ginecologia. Sínteses: Revista Eletrônica do SimTec, Campinas, SP, v. 4, n. 4, p. 212–212, 2016. DOI: 10.20396/sinteses.v4i4.7395. Disponível em: https://econtents.bc.unicamp.br/inpec/index.php/simtec/article/view/7395. Acesso em: 28 set. 2022.

Edição

Seção

Eixo 3 - Desenvolvimento Humano, Saúde e Qualidade de Vida

Artigos Semelhantes

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.