Comunicação com o paciente e família: identificando as evidências nos registros de enfermagem

Autores

  • Maristela Priscila Nardo Ramos Universidade Estadual de Campinas

DOI:

https://doi.org/10.20396/sinteses.v4i4.7247

Palavras-chave:

Enfermagem. Auditoria. Paciente

Resumo

As discussões sobre segurança do paciente têm-se ampliado consideravelmente. O crescente número de eventos adversos ocorridos representa grave problema de saúde pública. Neste contexto, a auditoria tem sido considerada uma ferramenta importante, visando avaliar a qualidade da assistência. Durante o processo de acreditação internacional no Hospital Estadual Sumaré, a comunicação com o paciente e família foi apontada como uma fragilidade nos registros. Desta forma, iniciaram-se avaliações contínuas dos registros para evidenciar a comunicação da equipe de enfermagem com o paciente e família. O objetivo foi Identificar evidências de anotações sobre informações transmitidas da equipe de enfermagem com o paciente e família em pontos de transição. Estudo descritivo e retrospectivo realizado em um hospital no interior do estado de São Paulo. Para identificar as evidências nos registros, foram analisados 129 prontuários em 10 unidades assistenciais no período de fevereiro a agosto de 2012. O instrumento identificou evidencias de anotações sobre informações transmitidas, contidas no histórico, prescrição e evolução do enfermeiro e anotações de enfermagem. Foi estabelecida uma meta de 80% de adequação. A média geral das unidades em Fevereiro foi de 75%, abril 87%, junho 92% e agosto 92%. Observa-se aumento nesse período, com destaque em algumas unidades assistenciais como: clínica médica, clinica de especialidades, clínica cirúrgica, UTI adulto, UTI neonatal e urgência referenciada adulto. O aumento na taxa de adequação deve-se a uma série de ações realizadas durante o processo de certificação canadense. É importante dar continuidade na avaliação deste indicador de qualidade para manter um constante ciclo de melhorias.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Maristela Priscila Nardo Ramos, Universidade Estadual de Campinas

UNICAMP

Downloads

Publicado

2016-07-15

Como Citar

RAMOS, M. P. N. Comunicação com o paciente e família: identificando as evidências nos registros de enfermagem. Sínteses: Revista Eletrônica do SimTec, Campinas, SP, v. 4, n. 4, p. 11–11, 2016. DOI: 10.20396/sinteses.v4i4.7247. Disponível em: https://econtents.bc.unicamp.br/inpec/index.php/simtec/article/view/7247. Acesso em: 1 out. 2022.