Banner Portal
Protocolo de atendimento especial a vítimas de violência sexual
PDF

Palavras-chave

Violência sexual. Atendimento especial. Atendimento psico- lógico. CAISM

Como Citar

JUSTINO, Juçara Aparecida Santos; VIEIRA, Maria Jose Navarro. Protocolo de atendimento especial a vítimas de violência sexual. Sínteses: Revista Eletrônica do SimTec, Campinas, SP, n. 5, p. 237–237, 2016. Disponível em: https://econtents.bc.unicamp.br/inpec/index.php/simtec/article/view/7226. Acesso em: 22 jul. 2024.

Resumo

A violência sexual contra mulher é considerada um problema de saúde pública, sendo esta uma das manifestações de violência mais traumáticas, cruéis e persistentes. A organização mundial de saúde (OMS, 2002), define violência sexual como “todo ato sexual ou tentativa de obtê-lo, sem consentimento da mulher, usando coerção”. O CAISM oferece atendimento ás vítimas e capacitação de equipes multidisciplinares, (médicos, psiquiatras, psicólogos, enfermeiros e assistentes sociais), atendendo mulheres vítimas de violência sexual desde sua criação, quando em 1986 os atendimentos eram realizados de forma não sistematizada. Em 1998 com o aumento da demanda o atendimento foi sistematizado, criando protocolos e fluxogramas. A partir da experiência do CAISM, a secretaria Municipal de Saúde de Campinas, implementou o Projeto Iluminar Campinas, com o intuito de normatizar e padronizar o atendimento ás vítimas de V.S. Esse trabalho tem como objetivo apresentar o protocolo e o fluxograma do Atendimento Especial ás vitimas de violência sexual, através de relato da experiência profissional das psicólogas e aprimorandas, que atuam no CAISM/UNICAMP, através do programa de Atendimento Especial, realizado em 4 modalidades: Ocorrência imediata, ocorrência tardia, gravidez decorrente de estupro e seguimento ambulatorial. Os atendimentos realizados mostram sérias consequências para a vitima, como: riscos de gravidez indesejada, alta prevalência dos sintomas de estresse pós-traumático e sequelas psíquicas. A atuação da equipe multidisciplinar mostra-se imprescindível para recuperação das vítimas de V.S, já que o atendimento psicológico traz contribuições significativas para sua reorganização psíquica, auxiliando-a na elaboração e enfrentamento do trauma e resiliência.

PDF
Creative Commons License
Este trabalho está licenciado sob uma licença Creative Commons Attribution 4.0 International License.

Copyright (c) 2016 Juçara Aparecida Santos Justino, Maria Jose Navarro Vieira

Downloads

Não há dados estatísticos.