Grupo de esclerose múltipla no ambulatório de neurologia do HC/UNICAMP

Autores

  • Cati Jorge Patrício HC/UNICAMP
  • Angélica Gonçalves Teixeira HC/UNICAMP
  • Marcos Paulo Colella HC/UNICAMP
  • Mirian Franzoloso Santos Martins HC/UNICAMP

DOI:

https://doi.org/10.20396/sinteses.v0i5.7182

Resumo

Médicos e pesquisadores têm tido dificuldades para descobrir a cura para a Esclerose Múltipla visto que, a causa da doença é desconhecida. Acredita-se que algum “elemento ambiental” desencadeador inicie um processo no qual o sistema imunológico do indivíduo ataca impropriamente a mielina de seu sistema nervoso central. Com sintomas variados e curso imprevisível, requer um processo de adaptação contínua, à medida que esses sintomas aparecem e desaparecem, ou surgem e ficam apresentando-se de forma grave e crescente. Com o passar do tempo, com pouca ou nenhuma  remissão, podem afetar aspectos da vida emocional e social das pessoas, inclusive a auto-estima, exigindo esforços para enfrentar a doença e criando problemas nos relacionamentos com familiares e amigos. Foi pensando no impacto causado pela doença a esses pacientes que surgiu a ideia do grupo de ajuda aos portadores da EM no ambulatório de neurologia da UNICAMP, com acompanhamento de um psicólogo e duas assistentes sociais. Pacientes e seus familiares, no intuito de amenizar seus medos e fraquezas, aproveitam o tempo que aguardam a consulta para tirar dúvidas frequentes, permitindo que, através de conversas e exemplos positivos de outros pacientes convivam confortável e produtivamente com a doença. O grupo existe a cerca de dois anos e tem tido grande aceitação, pois tem contribuído, segundo os participantes do programa para esclarecer dúvidas, dividir frustrações e mostrar à pessoa que tem EM que ela precisa continuar vivendo, assim sendo, que ela viva da melhor maneira possível, ainda que seja dentro de suas limitações.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2016-05-17

Como Citar

PATRÍCIO, C. J.; GONÇALVES TEIXEIRA, A.; COLELLA, M. P.; FRANZOLOSO SANTOS MARTINS, M. Grupo de esclerose múltipla no ambulatório de neurologia do HC/UNICAMP. Sínteses: Revista Eletrônica do SimTec, Campinas, SP, n. 5, p. 149–149, 2016. DOI: 10.20396/sinteses.v0i5.7182. Disponível em: https://econtents.bc.unicamp.br/inpec/index.php/simtec/article/view/7182. Acesso em: 1 out. 2022.

Edição

Seção

Eixo 3 - Desenvolvimento Humano, Saúde, Sustentabilidade e Qualidade de Vida