Quintas criativas: Qualidade de vida (variedades artesanais e artísticas)

Autores

  • Maria Aparecida Vaz Bueno ESTAGUA-PREAC-Reitoria/UNICAMP

DOI:

https://doi.org/10.20396/sinteses.v0i5.7158

Palavras-chave:

Socialização. Vivência. Integração. Desenvolvimento. Criação

Resumo

Este projeto visa reunir pessoas com objetivo de socializar e construir saberes; desenvolver práticas artesanais e criatividade, proporcionando condições de trocas concretas, simbólicas, memórias, conversas, lembranças e convivências. Favorece o desenvolvimento social e pessoal, fortalece e intensifica a qualidade de vida com a descoberta de novos hobbies e melhora a autoestima. Proporciona noções de cores e combinações, textura, sensibilidade, concentração e atenção, através de atividades variadas como: fuxico, crochê, bordado, feltro, pintura em madeira e tecido, entre outros. Utiliza como ferramentas revistas e modelos de projetos. Através do contato básico com agulhas, linhas, botões, tecidos, feltros, barbantes, enchimentos, colas, pincéis, palitos, tintas e materiais da natureza/reciclável é possível fazer vários trabalhos artesanais, usando a criatividade para montar ou transformar uma ideia e objeto. Cada participante tem a liberdade de propor ideias e trabalhos de acordo com sua experiência, vivência e criatividade. O momento de socialização promove desenvolvimento, integração e troca de saberes além da aprendizagem. Com o resgate de atividades tradicionais de artesanato, é possível promover um retorno enriquecedor e estimulante para a vida. O artesanato no CIS-Guanabara iniciou-se em 2009, sendo oferecidas 77 oficinas até maio/2014, atingindo um público aproximado de 1.000 pessoas.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2016-05-17

Como Citar

VAZ BUENO, M. A. Quintas criativas: Qualidade de vida (variedades artesanais e artísticas). Sínteses: Revista Eletrônica do SimTec, Campinas, SP, n. 5, p. 184–184, 2016. DOI: 10.20396/sinteses.v0i5.7158. Disponível em: https://econtents.bc.unicamp.br/inpec/index.php/simtec/article/view/7158. Acesso em: 27 nov. 2022.

Edição

Seção

Eixo 3 - Desenvolvimento Humano, Saúde, Sustentabilidade e Qualidade de Vida