O papel do enfermeiro dentro de uma equipe de atletas do esporte adaptado de alto rendimento (rúgbi) em cadeira de rodas

Autores

  • Marta Aparecida Prando Ramos HC/UNICAMP
  • Leandro de Melo Beneli HC/UNICAMP

DOI:

https://doi.org/10.20396/sinteses.v0i5.7129

Palavras-chave:

Enfermeiros. Esporte adaptado. Tetraplegia. Atletas tetraplégicos

Resumo

A tetraplegia é a forma mais grave de lesões traumáticas na medula espinhal, causando a percepção da incapacidade física e grande impacto social, finalizando os sonhos e projetos de muitos jovens, o que Medola define como profunda modificação de vida. Entretanto alguns jovens lesionados passam a se dedicar a um projeto maior do que estar a mercê de sua atual condição física, dedicando-se ao esporte adaptado. Este imenso desafio, não diminui a necessidade deste indivíduo de receber cuidados específicos de enfermagem para que assim possam suprir suas necessidades básicas de vida. Este trabalho foi desenvolvido com 16 atletas tetraplégicos da equipe tetracampeã brasileira ADEACAMP e APC da modalidade rúgbi em cadeira de rodas UNICAMP (FEF) entre julho 2011 á agosto de 2012 contando com a colaboração de dois educadores físicos, técnicos das equipes, e teve como objetivo identificar a contribuição do enfermeiro dentro de uma equipe do esporte adaptado. O estudo concretizou-se através de pesquisa literária e de campo com questões especificas de cuidados como alimentação, eliminação fisiológica, conforto e segurança. As respostas obtidas foram colocadas em gráficos e após avaliação observou-se que itens de segurança e conforto atingiram maior porcentagem positiva, porém outros cuidados também tiveram aprovação pela equipe Concluindo-se que o enfermeiro obteve aprovação por parte da equipe estudada para execução destes cuidados, confirmando a afirmação de Winnick que cita o enfermeiro como profissional de apoio dentro de uma equipe esportiva.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2016-05-17

Como Citar

PRANDO RAMOS, M. A.; MELO BENELI, L. de. O papel do enfermeiro dentro de uma equipe de atletas do esporte adaptado de alto rendimento (rúgbi) em cadeira de rodas. Sínteses: Revista Eletrônica do SimTec, Campinas, SP, n. 5, p. 163–163, 2016. DOI: 10.20396/sinteses.v0i5.7129. Disponível em: https://econtents.bc.unicamp.br/inpec/index.php/simtec/article/view/7129. Acesso em: 29 set. 2022.

Edição

Seção

Eixo 3 - Desenvolvimento Humano, Saúde, Sustentabilidade e Qualidade de Vida