Banner Portal
Estratégias para redução do uso de animais no preparo de material didático para o ensino de biologia tecidual
PDF

Palavras-chave

Ensino. Biologia tecidual. Animais. Preparado histológico

Como Citar

SILVA, C. R. R.; YAMADA, Áureo T.; BUZATO, C. B. C.; JOAZEIRO, P. P.; ARANA, S. Estratégias para redução do uso de animais no preparo de material didático para o ensino de biologia tecidual. Sínteses: Revista Eletrônica do SimTec, Campinas, SP, n. 5, p. 69–69, 2016. DOI: 10.20396/sinteses.v0i5.7064. Disponível em: https://econtents.bc.unicamp.br/inpec/index.php/simtec/article/view/7064. Acesso em: 29 maio. 2023.

Resumo

A área de Ensino de Biologia Tecidual do Instituto de Biologia oferece disciplinas que utilizam preparados histológicos de órgãos de vertebrados para os cursos: Ciências Biológicas (diurno e noturno), Enfermagem, Farmácia, Fonoaudiologia, Física Médica, Medicina, disciplinas de pós-graduação e cursos de extensão, utilizando-se para cada curso uma coleção específica. No Laboratório de Histotécnica e Ensino (LHE) é realizado o processamento desse material. Por considerar importante a redução do uso de animais e com o objetivo de acompanhar os critérios estabelecidos pelas comissões de ética na utilização de animais de laboratório, os docentes e técnicos envolvidos com o LHE desenvolveram estratégias para reduzir o sacrifício de animais exclusivamente para fins didáticos. Essas estratégias incluem: reduzir o número de coleções em uso ao utilizar uma coleção por dupla de alunos, que também se mostrou pedagogicamente eficaz por ampliar a participação e troca de informações pela dupla; constante avaliação dos preparados em uso e sua recuperação periódica; digitalização das coleções; aproveitamento de órgãos não alvo de estudo em animais destinados à pesquisa científica para obtenção de material didático. Finalmente, para o ensino de recorte de peças anatômicas e interpretação de planos de corte, foi desenvolvido um bloco de gelatina colorida onde são inseridos macarrões de diferentes formatos, simulando estruturas como vasos e nervos em órgãos. Esse conjunto de estratégias tem permitido redução significativa no uso de animais para ensino, e a conscientização de nossos alunos, futuros profissionais, para a adoção ou criação de estratégias que prezem a ética na utilização de animais.
https://doi.org/10.20396/sinteses.v0i5.7064
PDF
Creative Commons License
Este trabalho está licenciado sob uma licença Creative Commons Attribution 4.0 International License.

Copyright (c) 2016 Cintia Rizoli Ruiz Silva, Áureo Tatsumi Yamada, Carla Beatriz Collares Buzato, Paulo Pinto Joazeiro, Sarah Arana

Downloads

Não há dados estatísticos.