Banner Portal
Artes manuais e educação: Proposta para o desenvolvimento da autoconfiança
PDF

Palavras-chave

Educação. Autoconfiança. Oficina. Crianças. Adolescentes

Como Citar

SANTOS NOGUEIRA, M. S. dos; MORAES SANTOS, A. C. Artes manuais e educação: Proposta para o desenvolvimento da autoconfiança. Sínteses: Revista Eletrônica do SimTec, Campinas, SP, n. 5, p. 120–120, 2016. Disponível em: https://econtents.bc.unicamp.br/inpec/index.php/simtec/article/view/7053. Acesso em: 28 fev. 2024.

Resumo

A Oficina de Trabalhos Manuais, oferecida no Prodecad às crianças e adolescentes da educação não-formal, favorece para que educação e artes manuais possam combinar e caminhar juntas na ação do desenvolvimento da autoconfiança. O Prodecad (Programa de Desenvolvimento e Integração da Criança e do Adolescente), de educação não-formal faz parte da DEdIC (Divisão de Educação Infantil e Complementar) na UNICAMP . Atualmente atende crianças de 5 a 15 anos. A proposta dos trabalhos manuais, fundamentada em trabalhos com linha, agulha, tecido, lã, tear e outros, foi inspirada em uma dinâmica criada em meados de 2006 restrita exclusivamente a um projeto de sala de aula para os adolescentes voltada para o desenvolvimento da autoconfiança. Desde 2012 repensamos a proposta e a transformamos em oficina. Hoje é oferecida à cerca de 240 crianças do Programa. A experiência tem critérios de inclusão e favorece aos educandos confiar em si mesmo para desempenhar projetos criativos em dinâmicas livres e também dirigidos. Contempla participação espontânea, sutileza, habilidade, socialização, criatividade, a importância da individualidade de cada um  no grupo social e sensibiliza para a percepção da capacidade criativa impar na história de vida, imaginação e ressignificação da própria imagem com confiança. Explorar e vivenciar o espaço diferenciado e promover a participação através de atividades e experiências ricas de criação com aprendizagem é o disparador (motivação) principal do acolhimento com cordialidade. Segundo Simson et al (2001, p. 63): “A educação não-formal precisa atrair e ser capaz de cativar os seus educandos para poder realizar o trabalho educativo”.

PDF
Creative Commons License
Este trabalho está licenciado sob uma licença Creative Commons Attribution 4.0 International License.

Copyright (c) 2016 Marcia Speranza dos Santos Nogueira, Ana Claudia Moraes Santos

Downloads

Não há dados estatísticos.