Banner Portal
Ações institucionais do Restaurante Universitário da Unicamp, campus de Campinas, no entrentamento da covid-19
PDF

Palavras-chave

Covid-19
Universidade
Alimentação
Serviço de alimentação
Restaurante universitário

Como Citar

TURQUETTO, Carolina Murari Scarazzato; KIKUMOTO, Maria Antonieta Jardine; SILVA, Sandra Maidel Soares da; OLIVEIRA, Josilene Lopes de. Ações institucionais do Restaurante Universitário da Unicamp, campus de Campinas, no entrentamento da covid-19. Sínteses: Revista Eletrônica do SimTec, Campinas, SP, n. 8.Eixo 4, 2023. Disponível em: https://econtents.bc.unicamp.br/inpec/index.php/simtec/article/view/18214. Acesso em: 21 maio. 2024.

Resumo

Introdução: A pandemia da covid-19 impôs a necessidade de mudanças de comportamento individual e coletivo na UNICAMP. Os Restaurantes Universitários (RUs) são locais propícios às aglomerações, e, portanto, oferecem riscos para transmitir a doença. Desta maneira, diversas ações vêm sendo tomadas pela Divisão de Alimentação/Prefeitura Universitária (DA) desde março de 2020 até os dias atuais, a fim de garantir o atendimento seguro e ininterrupto dos RUs aos servidores da área da saúde e demais serviços essenciais, funcionários terceirizados, alunos bolsistas, e, posteriormente, aos envolvidos na Força Tarefa - covid-19. Objetivo: O presente trabalho objetiva apresentar um breve histórico das principais ações da DA no enfrentamento da covid-19, devido à essencialidade dessas para a comunidade universitária. Metodologia: Foram levantadas as principais ações da Divisão de Alimentação/Prefeitura Universitária (DA) no enfrentamento da covid-19, desde março de 2020 até os dias de hoje, por meio de registros e documentos internos da Divisão de Alimentação, além da busca em sites da Prefeitura Universitária, da UNICAMP e de mídias de informação pública. Após os levantamentos, estas ações foram descritas resumidamente em ordem cronológica, e demonstrou-se como a Divisão de Alimentação acompanhou a evolução da pandemia; as ações da UNICAMP por meio das Portarias GRs; e as orientações de órgãos de saúde pública e de vigilância sanitária na tomada de decisões. Resultados: Em 12/03/2020 a Reitoria anunciou em nota a suspensão das atividades presenciais, mantendo-se apenas os serviços essenciais e de saúde. Em 13/03, o Comunicado 01-GT COVID-19 atualizou esta nota. Mesmo com a suspensão das aulas, o RU permaneceu atendendo servidores, funcionários terceirizados e alunos bolsistas. Foi assinada em 16/03 a Resolução GR 24/2020, e, em função desta, a DA tomou medidas emergenciais, como: manutenção do funcionamento apenas do RU, exclusivamente para o público já descrito; distribuição de todos os itens por copeiros, para evitar a manipulação pelos clientes (bandeja, talheres, copo, guardanapo e preparações); e higienização com álcool 70% das bandejas, talheres, corrimões, e utensílios de distribuição a cada 15 minutos. Apesar dessas medidas, ainda havia risco de contaminação, principalmente devido ao agravamento da pandemia. Assim, outras ações foram necessárias, como a suspensão do café da manhã e o uso de embalagens do tipo “marmitex” a partir de 23/03. Em agosto de 2020 foi criado o Plano de Retomada, condicionado à evolução da pandemia no Plano São Paulo. A equipe da DA manteve-se atualizada às publicações das autoridades sanitárias e da Universidade (Portarias GRs), com adaptações para o atendimento dos RUs de forma segura. Conclusão: A atuação da Divisão de Alimentação/Prefeitura Universitária no enfrentamento da covid-19 foi imprescindível para a permanência estudantil dos bolsistas, e para manter o fornecimento de refeições aos profissionais das áreas essenciais, da saúde, e participantes da Força Tarefa-covid-19. As ações também incluíram a elaboração de protocolos de atendimento no novo contexto da Universidade, a revisão de Procedimentos Operacionais Padronizados, considerando as Notas Técnicas Específicas da ANVISA e orientações do CVS, e a elaboração de Cartilha de Orientação de uso dos RUs para a Retomada Segura.

PDF

Referências

BRASIL. Agência Nacional de Vigilância Sanitária. NOTA TÉCNICA Nº49/2020/SEI/GIALI/GGFIS/DIRE4/ANVISA: Orientações para os serviços de alimentação com atendimento direto ao cliente durante a pandemia de Covid-19. Brasília, 2 jun.2020.

BRASIL. Agência Nacional de Vigilância Sanitária. NOTA TÉCNICA N°48/2020/SEI/GIALI/GGFIS/DIRE4/ANVISA: Documento orientativo para produção segura de alimentos durante a pandemia de Covid-19. Brasília, 5 jun.2020.

UNICAMP. Prefeitura Universitária. https://www.prefeitura.unicamp.br/. Acesso em: 8 set. 2020.

SÃO PAULO, Centro de Vigilância Sanitária. CVS 20/2020 de 26/06/20. Recomendações para a reabertura segura de estabelecimentos da área de alimentos no contexto do enfrentamento da Covid-19. Diário Oficial de São Paulo: Executivo Caderno 1, São Paulo, 26 jun. 2020, p.25.

Creative Commons License
Este trabalho está licenciado sob uma licença Creative Commons Attribution 4.0 International License.

Downloads

Não há dados estatísticos.