Banner Portal
Estratégias para redução do número de recoletas de amostras de exames laboratoriais em uma unidade de emergência referenciada (UER)
PDF

Como Citar

SILVA, Michele de Freitas Neves et al. Estratégias para redução do número de recoletas de amostras de exames laboratoriais em uma unidade de emergência referenciada (UER). Sínteses: Revista Eletrônica do SimTec, Campinas, SP, n. 7, p. e019227, 2019. Disponível em: https://econtents.bc.unicamp.br/inpec/index.php/simtec/article/view/11250. Acesso em: 13 abr. 2024.

Resumo

Na UER foram realizados 230.954 exames laboratoriais em 2017, cerca de 20 % dos realizados no HC. Para que os resultados dos exames sejam fidedignos, é necessário que todas as fases do processo, pré-analítica, analítica e pós-analítica, sejam desenvolvidas com qualidade, sendo que falhas no pré-analítico representam 70 % dos erros. Dentre os processos do pré-analítico destaca-se a coleta de amostras, que, se inadequada, gera necessidade de recoleta, causando atraso dos resultados dos exames e do início dos tratamentos, insatisfação do usuário e aumento do tempo de internação, além de retrabalho das equipes e aumento nos custos. Diante disso, os objetivos foram realizar uma análise situacional da UER relacionada à coleta de exames e elaborar estratégias para redução das recoletas.

PDF
Creative Commons License
Este trabalho está licenciado sob uma licença Creative Commons Attribution 4.0 International License.

Copyright (c) 2019 Michele de Freitas Neves Silva, Valdecir Monteiro Jardim, Ludimila de Melo, Rita de Cássia Andrade Dantas, Ronaldo Ferreira dos Santos, Rafael Silva Marconato, Eliete Boaventura Bargas Zeferino, Cristina Cobra Azevedo, Ronise Carala Sass Pozeti, Márcio Jorge da Silva, Emerson Salvador Sousa França

Downloads

Não há dados estatísticos.