Banner Portal
Visita domiciliar como instrumento de inclusão social na busca de garantia de acesso a permanência estudantil na UNICAMP
PDF

Como Citar

KOMESU, V. T. P. .; SANTOS, V. S.; GONÇALVES, D. M.; PALMEIRA, C. P.; SOUZA, L. M. de; PEREIRA, S. M.; BARBOSA, E. C.; ZANETTE, P. C. G. Visita domiciliar como instrumento de inclusão social na busca de garantia de acesso a permanência estudantil na UNICAMP. Sínteses: Revista Eletrônica do SimTec, Campinas, SP, n. 7, p. e019217, 2019. Disponível em: https://econtents.bc.unicamp.br/inpec/index.php/simtec/article/view/11225. Acesso em: 27 fev. 2024.

Resumo

A visita domiciliar começou a ser realizada em 1999 pelo Serviço Social do Programa de Moradia Estudantil da Unicamp, em 2000 esse serviço passou a fazer parte do SAE. Estar no local de moradia dos alunos nos permite conhecer melhor sua cultura, seus anseios, suas rotinas, aspectos importantes para demonstrar a dimensão humana das relações que se estabelecem e, por conta disso, os limites que estes mesmos sujeitos possam estar submetidos. Essa prática permite se aproximar da realidade social exatamente onde se movimenta, deve ser guiada por uma planejamento e roteiro preliminar que leve a conhecer a realidade social dos alunos e seus familiares, possibilitando a intervenção dos assistentes sociais na defesa e garantia de direitos.

PDF
Creative Commons License
Este trabalho está licenciado sob uma licença Creative Commons Attribution 4.0 International License.

Copyright (c) 2019 Vanessa Tank Piccirillo Komesu, Vanilda Soares Santos, Daiana Máximo Gonçalves, Cibele Papa Palmeira, Luciane Maria de Souza, Sonia Maria Pereira, Elaine Cristina Barbosa, Patrícia Cilene Gilberti Zanette

Downloads

Não há dados estatísticos.